sábado, 29 de agosto de 2009

Sem Rima Sem Sentido e Sem Nexo
Eu parei a madrugada
Conversei com o travesseiro
Encantei-me com o luar
Mas discordei das estrelas
Um raio veio do alto
A tempestade me molhou
Cílios arremessados ao vento
Uma lagrima que do céu jorrou
Eu olho o telefone
Que não para de tocar
Enigmático silêncio
A poesia está no ar
Paredes que me cercam
No fim do que passou
Do futuro serei adiante
Daquele olhar que não chegou
Sem rima sem sentido e sem nexo
Não entendia o que escrevia
Num violão que tocava acordes
Sem noção da melodia
E do seu coração
Jogado ao chão
Caído na poça de uma chuva fria.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade

20 comentários:

Majoli disse...

Como cá estou em mais uma madrugada de insônia, o que me alimenta é vir te ler.
Dia após dia seus versos nascem de forma mais linda.
Amei a poesia de hoje.

Beijos e lindo final de semana meu querido.

Fique com Deus.

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Que triste, meu querido! Hj, já escrevi isso num comentário e vou repetir aqui: tristeza rima com beleza, mas não combina (é um verso de um poema meu). O seu poema é uma exceção, pois consegue ser triste e belo ao mesmo tempo.
Você é um grande poeta. Eu te admiro. Agora, vou dormir.
Beijos, querido, boa noite e ótimo sábado,
Renata

Luciana P. disse...

...numa poça de uma chuva fria...

Esse ficou na minha cabeça!

Bastante sensíveis os versos que formaram este poema.
Triste, como uma canção de amor entoada pra Lua.

Beijos, boa-noite.
Tô caindo de sonoooooo.

Wilson Rezende disse...

Amigo Everson um ótimo sábado para ti e fica com Jesus.

Daniel Costa disse...

Everson

O é belo, sempre o género batida bem rimada. Se as musas da poesia não permitissem ao poeta certas deambulações, dir-se-ia implicito um certo queixume. Todavia, talvez aí resida a beleza rimada.
Abraço,
Daniel

Daniel Costa disse...

Everson

O é belo, sempre o género batida bem rimada. Se as musas da poesia não permitissem ao poeta certas deambulações, dir-se-ia implicito um certo queixume. Todavia, talvez aí resida a beleza rimada.
Abraço,
Daniel

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Passando para desejar-lhe bom dia. Dormi 8 horas seguida. Nem acredito!
Beijos,querido
Renata

Blue disse...

E é nos finais de semana,
que esta angustia ataca a alma da gente,
mesmo sem rima,
sem nexo,
e sem sexo!

Abraços

Uma aprendiz disse...

Muito lindo e inspirado.

Apesar de triste.


beijos, meu amigo

bom fim de semana

Bandys disse...

Ah que triste Everson,

Sempre tem uma mão pra quem cai.
Mas entendo os poetas quando na loucura do auge dos amores, escrevem coisas sem nexo, sem rima..

Loucos poetas..
Romanticos poetas..


Beijos e desejo pra voce um tarde de muita luz no seu ♥

Vivian disse...

...deixar o coração fluir
sem que se precise inventar
rimas,
e como voar livre nas asas
dos mais doces sentimentos.

feliz sábado, poeta de sonhos!

beijoss

paula barros disse...

Me pareceu uma noite de insônia, com tempestades de pensamentos, raios de ideias, que nos jogam de um canto para o outro da cama, que nos revira e faz escrever.

Se sem rima, se sem nexo, mais com muita emoção, de um coração que se debate no peito.

abraços com carinho.

Wanderley Elian Lima disse...

"coração jogado ao chão caído na poça de uma chuva fria." muito lindo Everson. Muito lindo.
Abração

Menina do Rio disse...

Algumas noites são assim...

Deixo-te um beijo e que teu final de semana seja maravilhoso, Everson.

Diário Espiritual da Vilminha disse...

Olá amigo, passando pra desejar um final de semana cheio de alegrias e paz no coração. Bjs

Blue disse...

Vemos poesias em qualquer situação, nobre Poeta Mineiro. E as fotos eliminadas, são na verdade falhas cruéis do fotógrafo.... apenas isso. Jamais meus olhos podem ver a Musa desfocada...... hehehehe.
E no amor Everson, as histórias se repetem. É como aquela de inventar a roda...

Bom sábado a noite e abraços.

FOTOS-SUSY disse...

OLA EVERSON, MARAVILHOSA POSTAGEM...
QUE TENHAS FELIZ FINAL DE SABADO...
ABRACO DE AMIZADE!!!


SUSY

DE VEZ EM QDO VENHO AQUI disse...

no amor, muitas vezes somos loucos sendo sãos, somos tristes mesmo tendo a alegria escancarada na nossa cara...basta "vermos com olhos de ver"
ótimo fds a vc,querido anjo poeta,eu com essa gripe q me pegou to péssima, muita dor de cabeça,sono demasiado,dor no corpo todo,vixi...q horror!!!mas to reagindo!!e q sua noite tenha rima, seus sonhos se realizem e seu dia seja lindo!!
bjsssss

εïз εïз Doce Essencia εïз εïз disse...

Amigo Poeta,

eu fico tao enamorado dos teus textos que fico viajando por cada palavra,sonhando com quem possa me ditar tais letras...
Ah ! Acorda Borboleta...teu Jardim esta cheio de borboletas...e desperto...
Querido amigo,tenhas um lindo fds.

Doces Beijos

Doce Essencia

εïз εïз Doce Essencia εïз εïз disse...

*Longos Suspiros*

O Poeta amigo,caminhando a estas hrs em meu em Jardim?
E uma alegria sem fim...^.~
E encantador tua cia,caro amigo,e assim sinto que realmente borboletas sobrevoaram a todo este imenso Jardim que chamo de lar !

Doces Beijos

Doce Essencia

 
Web Analytics