quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Solidão Lunar
Do tamanho do meu quarto
Na dimensão das minhas estrelas
No vazio da minha cama
Da voz que na madrugada escura
De algum lugar me chama
Entre planetas pendurados
Numa galáxia sem fim
Eu descobri o tamanho de tudo
Que é exatamente a distancia
Que existe de você pra mim
Eu me deito na solidão lunar
Esperando você chegar
Mas sei que você não vem
Mas a esperança me faz acreditar
Entre crateras de sonhos
E desejos que pairam pensamentos
Num lugar totalmente árido
Eu acredito na possibilidade
Dos nossos momentos
Mas acho isso impossível
Não somos de mundos iguais
A dimensão da sua lua
Eu não alcançarei jamais
E nessa insana noite
Eu vejo esse amor impossível
Entre delitos e delírios
Esse verso é completamente previsível
Volto a Terra de onde sai
Pra minha janela aonde encostei
Só pra sonhar com essa solidão
E com o momento no sonho
Em que eu te beijei
Acordei e cai no infinito
E na dimensão da paz que eu não encontrava
Ninguém escutou o meu grito
Fechei a janela
Abri meu coração
E fui dormir novamente
Pra sonhar com essa minha louca divagação.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade
O Livro dos Dias Poesias
Pedidos no email: evr.russo@uol.com.br

45 comentários:

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Belo, meu poeta querido. É imenso o prazer de lê-lo.
Beijos**********


O mundo inteiro está cheio de pessoas.

Há pessoas caladas
que precisam de alguém para conversar.



Há pessoas tristes
que precisam de alguém que as conforte.



Há pessoas tímidas
que precisam de alguém que as ajude vencer a timidez.



Há pessoas sozinhas
que precisam de alguém para brincar.



Há pessoas com medo
que precisam de alguém para lhes dar a mão.


Há pessoas fortes
que precisam de alguém que as faça pensar
na melhor maneira de usarem a sua força.



Há pessoas habilidosas
que precisam de alguém para ajudar a descobrir
a melhor maneira de usarem a sua habilidade.



Há pessoas que julgam
que não sabem fazer nada e precisam de alguém
que as ajude a descobrir o quanto sabem fazer.



Há pessoas apressadas
que precisam de alguém para lhes mostrar
tudo o que não tem tempo para ver.



Há pessoas impulsivas
que precisam de alguém que as ajude a não magoar os outros.



Há pessoas que se sentem de fora
e precisam de alguém que lhes mostre o caminho de entrada.



Há pessoas que dizem
que não servem para nada e precisam de alguém
que as ajude a descobrir como são importantes.



Precisam de alguém
Talvez de ti ...

Há sempre alguém, Leif K.

+ Beijos*
Tenha um Lindo Dia********

Marilu disse...

Querido amigo, as vezes é bom sair da terra e divagar, sonhar, ser feliz pelo menos em sonhos. Beijocas

Guará Matos disse...

A lua e eu....

ABraços.

Sônia Silvino disse...

Como é bom vir aqui e desfrutar dos teus poemas lindos, Everson!
Beijos, querido!

Amor feito Poesia disse...

Olham-me com teus olhos as estrelas maiores.
E como eu te amo, os pinheiros no vento,
querem cantar o teu nome, com suas folhas de cobre.

Pablo Neruda

Amor & paz no belo amanhecer!Beijos!! M@RIA

ღPat.ღ disse...

Querido, sem solidão.. só Amor, Amizade e Alegria.

Deixo beijo especial com carinho de quem te addddooooooorrrrrra

Crys disse...

Concordo com minha amiga Pat.poeta, sem solidão...
bjs na alma...

Daniel Costa disse...

Everson

Demos sempre acreditar, ter fé nas fases da lua, no seu luar e nos seu bons presságios. Esperar sempre o brilho de e a pueza de amar.
Abraço fraterno

Wanderley Elian Lima disse...

Olá poeta
O importante é não perder a esperança
Hoje vamos com tudo. Fé em Deus e pé na tábua.
Abração

VERSOS disse...

Vim dizer um oi.

Bjusss

Pelos caminhos da vida. disse...

Sonhar, divagar é bom às vezes.

Bom dia amigo.

beijooo.

Assis Freitas disse...

que dimensão ganha a solidão,


abraço

Ju Fuzetto disse...

Sempre belo!!!

bom dia amigo!!

fique com Deus!!

bjo

Elzenir Apolinário disse...

A silodão excessiva pode ser prejudicial, mas em pequena dose traz compreensão e conhecimento de si mesmo. Lindo...lindo!!! Bjs

Bandys disse...

Eu quamdo estou assim, vou pro sol, porque lá tem varios raios e não existe solidão.

Um ótimo dia pra você e que os raios de sol aqueçam seus dias.

beijos

Lua Nova disse...

Sabe, meu poeta, eu vejo flores em vc...
Beijokas...

Rosane Marega disse...

E,onde estara a placa que indica o caminho?
...eu também ainda não achei...
Beijossss menino e um lindo dia!

Sonhadora disse...

Meu querido
Venho deixar o meu carinho e um beijinho.

Sonhadora

Machado de Carlos disse...

Muito bom. Uma bela poesia com caracteres lunares. É uma Viagem profunda!
Um Grande abraço!

mARa disse...

...sonhamos Poeta, com essa dimensão insana de vazios preenchidos por saudades. Sonhamos.

Beijo Querido Amigo desse Horizonte Belo!

Beijo!

(tuas letras estão de uma suavidade intensa. Ler-te é um prazer!)

C@urosa disse...

Olá amigo poeta Everson Russo, a solidão é sempre bem cantada e uma fonte inesgotável de inspiração. Paz e harmonia em seus dias.

forte abraço
C@urosa

Malu disse...

Bom dia , Everson !


Passando pra te ler e deixar
BjO Grande de Bom Dia !

Luciano Braz disse...

Meu querido amigo, ja vivi este seu poema na pele e tantos segredos trazem a imensidão de nós!

Abraços, vc demonstra muita sensibilidade sempre.

Boa tarde pra ti amigo!

Luciano Braz

Adolfo Payés disse...

Como siempre mis felicitaciones poeta.. ante esa capacidad tan genial de tus letras..

Es un placer pasar por tu blog..

Un abrazo
Saludos fraternos..

Tatinha disse...

A lua estava tão linda estes dias...
Bom dia "Deus Grego" heheheh

Giardia disse...

Pra vc também! Um dia lindo e cheio de paz!!!

Luciana Penteado disse...

Ah, e como é bom divagar, poeta. Desconfio que não exista nada melhor, e de preferência, acompanhado da solidão, pois é quando temos a oportunidade de ouvir a essência.

Beijos pra ti e um ótimo dia!

Lívia Azzi disse...

"Volto a Terra de onde sai
Pra minha janela aonde encostei"

Esse seu poema introspectivo remete questões metafísicas, amar é uma delas.

Um beijo!

Pena disse...

Extraordinário e Sensível Poeta Amigo:
Quando escreve os seus poemas são sublimes de maravilhar.
É um talentoso admirável que já nasceu poeta.
A poesia corre-lhe no sangue, no coração e na sua Alma pura Gigantesca.
Parabéns.
Quando "explode", "explode" também a maravilha.
Abraço grato ao seu comentário no meu blogue que adorei.
Sempre a estimá-lo, a respeitá-lo e a admirá-lo.

pena

Bem-Haja, divinal poeta.
A sua poesia é fantástica.
Adorei.

lita duarte disse...

Lindos versos, Everson.

Um beijo.

Fátima disse...

Meu querido menino bonito...

Já parou pra pensar que pode não ser divagação,quem foi que disse que para o amor os mundos teem que ser iguais.
E que lua é essa dela,que um poeta apixonado não possa alcançar apenas sonhar e, denegrir esse sonho chamando de delito e delírio.
A distância entre planetas pendurados em uma galaxia sem fim e essa sua janela aonde se encostou ,é inexistente para o amor,tenha certeza disso.
Portanto nada é impossivel,preserve sempre a esperança,pois um dia poderá deixar de ser apenas divagação.

Beijinho com o carinho de sempre.

anita sereno disse...

ola querido Everson desculpa só agora dar noticias
ontem estive a ler os comentários que la deixaram e te agradeço as tuas palavras de pai e fé
quanto a teu poste que solidão te traz a seu coração que era só amor sei que a vida é complicada mas te vejo tão mais desanimado nos teus poemas espero que seja só poema não de alma
anjo lindo que seus dias sejam sempre de amor paz saúde e muito sucesso se não me ver por aqui é porque parti nem mesma sei OBRIGADA pelo carinho constante na minha vida
te levo no meu coração quem sabe ainda passe aqui? quem sabe esta será a ultima vez?
nem eu sei FELICIDADES E MUITO SUCESSO beijinhos para sempre amigos ate breve
meu blog estará aberto

Lau Milesi disse...

Poeta, esse título é um arrraso.O poema, então...Lembrei de Clarice( a Lipector) quando fala nas fases da Lua. Mas essa fase que você cita, nunca tinha ouvido. Resgistre esse título.Parabéns, sempre.
Um beijo

Professora Carla Fernanda disse...

Boa noite! Por isto existem poetas: para falar o que a gente sente e não consegui expressar.
Lindo!
Carla Fernanda

Um Cantinho para Sonhar disse...

Amigo, que bela poesia...uma solidão que preenche esse espaço com encanto que sai de dentro de sua alma...!

Simplesmente encantadora!

Com carinho, Suzy.

gabyshiffer disse...

O importante é sempre estar de coração aberto...
Quanta imaginação heim
lindo poema
Vim lhe ver, desculpe a demora, tava com saudade, minha semana foi corrida, postei ontem a noite correndo tb.
Mas hoje é feriado aqui, e apesar de ter que pabaiá um cadim mesmo assim eu toh com mais tempo...
um somo pq tomei anti-alérgico, vou ali pro sofá correndo...rs
Beijos com gosto de pipoca e guaraná...
Beijos na alma!

Graça Pereira disse...

Sonho de amor...não quero acordar ,não!!
Bonito poema!
beijo
Graça

Luciana disse...

Oi Everson


Tdo bem amigo

Uma ótima noite e belo texto,

Bjs

evanirgarcia disse...

Seu amor para mim é tudo.
Não contando quantos anos
Estamos com blog no ar.
Mais sim quanto amor vc
pode dedicar a cada uma de suas amigas e amigos.
Com muito carinho convido você .
Para o niver de uma madrinha de blog.
O convite esta postado no blog.
O niver sera 01/10/2010
Ficarei eternamente grata com sua presença
Um beijo carinhoso da maizinha ,Evanir. batas clikar o convite abre a sala de festa.
Te vejo lá meu filho meu amor.
www.fonte-amor.zip.net
O presente p/ você esta na sala.

Fátima Guerra (Mellíss) disse...

Everson querido

"Fechei a janela, abri meu coração"...
Que lindo!
Hoje, a noite desceu sobre o céu da minha alma, e então, vim lhe trazer um ramalhete de estrelas.
Tenha uma noite lotada de sonhos.
Beio
Fátima Guerra

Desnuda disse...

Querido poeta,

sempre poemas lindos encontro aqui. Obrigada.


Carinhoso beijo.

* Conexão péssima hoje

Socorro Lima Dantas disse...

Olá amigo Everson, já estava ficando com saudades de ler os teus poemas. Linda a tua solidão. As vezes precisamos dela para sentir falta de alguém....
Um abraço, com carinho e consideração,
Socorro

Flor de Lótus disse...

"Esperando você chegar
Mas sei que você não vem
Mas a esperança me faz acreditar
Entre crateras de sonhos"
Me li nesses versos, porque apesar da razão nos dizer o possível nosso coração insiste em acreditar no impossível, no iracional no ilógico...
Beijosss

Sandra Botelho disse...

É amigo. As vezes essa solidão dói.
Mas ainda continuo a dizer, a pior solidão é a solidão acompanhada.
Bjos achocolatados e tenha uma linda quinta

poesias maria do carmo disse...

Me sinto honrada em ter vc no meu cantinho poético,abraços.

 
Web Analytics