quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Os Dias Vazios de Meg
Gavetas vazias
Lua no céu
Tristes melodias
Abelha sem mel
Sonhos despedaçados
De um amor que não lhe traz paz
Sentimentos num canto jogados
Dor no peito que não se desfaz
Do passado ela constrói um presente
Desajeitado e descontente
Vive chorando pelos cantos da casa
Em nada melódicos versos
Vendaval que ao território arrasa
Chora sozinha sua solidão
Jamais pensou em abrir seu coração
Não acredita em ninguém
A não ser sem seu próprio mundo
Não deixa um olhar ir mais além
Quando alguém lhe oferece um beijo
Ela tem medo do próximo segundo.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade

O Livro dos Dias Poesias
Adquira o seu no email: evr.russo@uol.com.br

46 comentários:

Luís Coelho disse...

Poema onde aparece a fugacidade dos nossos pensamentos e desejos.
O nosso medo acaba por não nos deixar amar com a força e a continuidade que construímos.
A vida é uma corrida e o medo segue-a

Nany C. disse...

O medo do amor é nosso eterno companheiro. Mas lá no fundo e, por muitas vezes, esse medo é o que nos mantem vivos!

Mas, nenhum medo resiste
ao toque sincero da paixão!
(Nany Carvalho)

Beijos meus,sempre, neste teu coração!

M@ria disse...

Correndo os ares, na amplidão perdida,
Essa música doce, é a voz, talvez,
Da alma de tudo, celebrando a Vida!

(Olavo Bilac)

Bom dia e o meu carinho...M@ria

Arnoldo Pimentel disse...

Sempre belos poemas aqui. Um bom dia pra você amigo.

José Sousa disse...

Amigo Everson!
Como semppre é uma delicia ler seus poemas! Vc tem futuro como autor de poesia e como músico. Parabéns.

Um abraço com amizade pura.

Aleatoriamente disse...

Profundo, delicado e lindo.
Na profundidade algo que sempre bate a porta.
Delicado, no escrever intenso do poeta.

Beijinho e bom dia Everson.

✿ chica disse...

Tristes e lindos versos.abração,chica

Severa Cabral(escritora) disse...

BOM DIA MEU PRÍNCIPE !
MINHA LUA HJ ESTÁ DO OUTRO LADO DO SOL...NEM VEJO...
BJS DE BOM DIA!

Universo Paralelo disse...

Essa dor que não se desfaz, pois não se abre com ninguém, é triste demais, mais é difícil confiar, pois depois da decepção, parece que ninguém é bom o suficiente para nos fazer acreditar novamente no amor, lindo poema, parabéns, beijos

lita duarte disse...

Bom dia, amigo.

Bjos.

Vivian disse...

Bom dia,Everson!!

Bah!Meu amigo...descreveu minha adolescência...rsrs
Foi exatamente assim...é horrível quando parece que nunca vai dar certo...
Lindos versos tristes...mas bem reais...afinal, quem nunca sofreu por amor??
Beijos pra ti!!!
Tenha um lindo dia!!
**Parece que o sol vai aparecer por aqui hoje...para ajudar a amenizar o frio....rsrsrsr

Márcia disse...

Meu amigo, aqui tá um frio dos infernos....tem sol, mas não aquece, o tempo tá seco demais, e quando saimos na rua, é só pó que respiramos....pó de poluição, rsrsrsr


Oh Deus!!!


Lindo dia pra vc...a poesia é linda!


Bjs

Majoli disse...

Oi meu querido, sua poesia é triste, mas carregada de sentimentos.
Meus dias também andam vazios.
:(

Beijos meu querido amigo.
Tenha um delicioso dia.

Harlequin disse...

palavras muito bem, suavemente, cuidadosamente escolhidos: poesia e belas fotografias! Tenha um bom dia! Eu envio saudações de República Checa!

Marcia disse...

Bom dia poeta!

linda poesia e bela imagem gostei rs bjos!

allmylife disse...

Conheço mtas Megs..rs
Bom dia rapaz =)

Wanderley Elian Lima disse...

O trem tá feio, mas ainda não joguei a toalha rsrsrs
Tenha um bom dia.
Abração

SOL da Esteva disse...

Everson

Entendo o medo (os medos) como algo precioso na vida.
O medo é o nosso limitador de ímpetos e actos impensados, porque moderador, faz-nos meditar nos passos que queremos dar... apressadamente.
No Amor, também!

SOL

Thay Negrão disse...

Bom dia poeta!!

Tenha uma excelente quinta feira....

Bjoss!

Bandys disse...

Uma poesia triste. No amor não se pode ter medo.Porque ele é paralizante e viver no seu mundindo não ta com nada.


MENGOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!
Querido Everson, perder em casa não é dar zebra, rssss é perder pro melhor.Trouxe um lencinho vermelho e preto pra enxugar suas lagrimas, rsss.
E olha que podia ser de 3 a 0.
Beijinhos ao som de cazuza.

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá amigo! Como sempre, dando uma passadinha para apreciar mais um belo poema, principalmente o trecho abaixo:

Sonhos despedaçados
De um amor que não lhe traz paz
Sentimentos num canto jogados
Dor no peito que não se desfaz

Abraços e bom dia pra ti.

Furtado

Pena disse...

Prodigioso Poeta:
Um belo poema de amor em que se sofre por algum motivo de desencanto e dor femininos.
É perfeito na sua aventura de poesia fantástica na sua fabulosa concepção.
Versos de fazer deslumbrar e maravilhar que me parece autêntico, justo e verdadeiro tudo e todos gostarem.
É perfeito e mágico. São versos divinais saídos do seu ser e sentir sinceros.
Parabéns.
Abraço amigo de respeito.
MUITO OBRIGADO pela sua visita habitual de simpatia.
Sempre a admirá-lo e ao seu talento poético.

pena

Drisph disse...

me identifico com sua escrita, passei um tempo me escondendo por medo de me permitir e sofrer de novo.
Estou esperando por você, e se ainda não estiver me seguindo, siga pra concorrer aos livros dia 10... Hoje, postei coisa nova, uma insatisfação crescente tomando conta de tudo, olhos, mãos, pensamentos e de repente, não posso mais suportar em silêncio, preciso gritar...
Um beijo querido, e nos ajude a divulgar o nosso trabalho, vem com a gente, beijos.
Adriana

★★ GIZA ★★ disse...

LINDO POST COMO SEMPRE...
Minha adorável amigO:
Sua presença é um presente para o mundo.
Você é único e só há um igual a você.
Sua vida pode ser o que quiser que ela seja.
Viva os dias, apenas um de cada vez.
Conte suas bençãos, não seus problemas.
Você os superará venha o que vier.
Dentro de você há muitas respostas.
Compreenda, tenha coragem, seja forte.
Não coloque limites em si mesmo.
Muitos sonhos estão esperando para serem realizados.
As decisões são muito importantes para serem deixada ao acaso.
Alcance seu máximo, seu melhor e seu prêmio.
Nada consome mais energia do que a preocupação.
Quanto mais tempo se carrega um problema, mais pesado ele fica.
Não leve as coisas tão a sério.
Viva uma vida de serenidade, não de arrependimentos.
Lembre-se de que um pouco de amor dura muito.
Lembre-se muito disso: "dura para sempre".
Lembre-se que a amizade é um investimento sábio.
Os tesouros da vida são todas as pessoas.
Perceba que nunca é tarde demais.
Faça coisas simples e de forma simples.
Tenha saúde, esperança e felicidade.
Encontre tempo para fazer pedidos a uma estrela.
E nunca jamais esqueça,por se quer um dia
O quanto você é especial !!!
E sempre se lembre Sorria !!!

BEIJOS CARINHOSOS DA GIZA

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Com certeza ela é uma gata... uma gata escaldada e por isso tem medo do amor. Um abraço,amigo. Nosso time,hein? Ai,ai.

Flor de Jasmim disse...

Everson
Triste e lindo!!! Arrepiei.
Estas palavras fizeram com que voltasse uns anos atraz e revi-me nelas.
Beijo

margoh werneck disse...

esse quase ir ja é um passo.

beijo

Mariz disse...

Boa tarde querido poeta,


O amor tb faz assim, momentos como esse há muitos, mas sempre um novo amor e um novo amanhecer vai haver e um sol sorrindo a esperar.

beijos com carinho!

Ju Fuzetto disse...

Bom restinho de semana amigo!

se cuida. beijo

Julliany kotona disse...

Vou confessar poeta também tenho medo do próscima segundo,me vi como meg seus versos parece que foram escritos para mim,lindo como sempre tenha uma bela noite bjos de alguém que lhe admira!

Machado de Carlos disse...

Depois de um beijo, chega outro e outro. Ficamos sem noção. Logo é hora de Adeus. E já montamos prantos de Saudade!

Abraços Amigo!

Rô... disse...

oi meu querido,

o medo nos impede de sermos felizes,
quem se isola e se esconde em seu mundo,
se esconde das cores do mundo real também...

beijinhos

Anne Lieri disse...

Muito triste esse medo de viver,mas a poesia ficou uma bela canção!Bjs,

Rute disse...

Jamais devemos deixar o medo de impedir de sermos felizes no amor!
Beijos meu querido

José María Souza Costa disse...

Sempre aparecerão os desejos.
Abraços

Carla Fernanda disse...

Tem dias assim...
Beijos,
Carla

Lau Milesi disse...

Tadinha....deve ter se decepcionado...
Ou mecanismo de defesa, quem sabe?

Muito lindo!!!
Um beijo, amigo poeta.

Lau Milesi disse...

Tadinha....deve ter se decepcionado...
Ou mecanismo de defesa, quem sabe?

Muito lindo!!!
Um beijo, amigo poeta.

Desnuda disse...

Querido Poeta,

Triste, mas há muitas " Megs".


Beijos com carinho amigo querido.

Toninhobira disse...

E tem momentos que ate parece natural que se viva assim.Uma bela inspiração amigo.Um abraço.

Zil Mar disse...

linda poesia!!!

não é dificil viajar dentro dessas palavras...quem já não viveu esses sentimentos?


um grande beijo Poeta....


Zil

Enigma disse...

Olá anjinho,

É preciso superar esse medo, né? Amei o seu carinho (deixado no meu blog, hoje). Obrigada!! Milhões de beijinhos: ))) Kiss!! Kiss!!

cidinha disse...

Olá, amigo Everson! Estou aqui mais uma vez para agradecer o carinho da sua visita e a generosidade de seus comentários que me deixa muito feliz! Estou aprendendo e tentando fazer o melhor possivel... Lindo poema! Retrata os nossos sentimentos. È uma delicia ouvir Renato Russo.... Beijo grande em seu coração!!Tenha um lindo fim de semana.

Sandra Botelho disse...

Podemos até calar nosso coração, mas jamais silencia-lo pra sempre...Podemos até deixa-lo semi aberto ao amor, mas tranca-lo jamais...Bjos achocolatados e um final de semana magico pra ti.

Lou Albergaria disse...

ai que medo! há muita tristeza na minha alegria, mas estou sempre aberta às novas possibilidades.hehehe...

Beijo!

Suely - HD disse...

Olá meu Poeta,

Bom domingo p/ ti.

beijos
Su

 
Web Analytics