segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Sentada em Madrugada
Ali parada em frente ao mar
Rabiscando na areia um coração
Olhar perdido no infinito
Em busca dos diversos caminhos da solidão
Envolta em seus sentimentos de amor
Na parte mais segura da sua alma
Mora uma intensa e irritante dor
Ela desfaz sentimentos
No reflexo da lua no mar
É tão pequeno aquele momento
Que logo a chuva começa a invadir o seu olhar
Sofrido e inquieto desejo
Contido e abstrato beijo
Tudo aquilo era tão grande
Pra uma doce menina
Que sofria como fosse seu o universo
O ultimo poema acolhido de sorriso
Fosse também seu derradeiro verso.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade

O Livro dos Dias Poesias
Adquira no email: evr.russo@uol.com.br

35 comentários:

Amapola disse...

Bom dia, querido amigo Poeta.

Bravo!!
Amei...

Muita paz, esperança e alegria.

Beijos.

Nany C. disse...

Meu amigo, uma semana cheia de saúde e paz!
Beijos meus no teu coração!

Severa Cabral(escritora) disse...

Belo alvorecer !
Seu poetar instiga viajar nas noites adentro em busca desse amor ...
bjssssssssssssss

Vivian disse...

Bom dia,Everson!!

Belos versos!Todos passam por momentos assim...em alguma época da vida...mas o tempo cura tudo.
Beijos pra ti!
Linda segunda!

LUZ disse...

Oi Querido Everson,

Como a sofrida menina estava sentada na areia em frente ao mar, esperemos, que uma onde leve sua dor, sua tristeza, e que outra lhe traga o amor e a alegria.
Boa 2ª feira, amigo.

Beijos de luz.

Yasmine Lemos disse...

A onda apaga ,o mar trás de volta...
lindo
beijos

edumanes disse...

Bom dia amigo Everson,desejo uma boa semana, para você.
A este seu lindo poema vou escrever meu comentário.

Triste pensativa
Sentada à beira do mar
Talvez, de mágoa sofrida
Por não ter sabido amar?

Um abraço
Eduardo.

Tais disse...

Ola poeta amigo,sua poesia hoje esta um sucesso,Feriado e dia belo pra vc tb...
Bjos.
decorehouse

Bandys disse...

Lindo!!!

Mas to correndo. Meu tempo vai acabar. E passei só pra vc não MORRER de saudade de mim, kkkkk

O o mengão ontem?? afff.

Sua terra continua linda!!

Beijos

Sonhadora disse...

Meu querido Poeta

Como sempre um belo poema...adorei e deixo um beijinho com carinho.

Sonhadora

Lau Milesi disse...

Lindo, lindo poeta amigo.
Emocionante,sabia?

..."Compor e recompor,
de tanto modo diverso,
mas como alcançar o verso
... que iguale a uma flor"?

...como diz a doce e competente escritora Angela Lago.

Um beijo pra você e bom feriado.

Van disse...

A dor é democrática, não escolhe idade para se instalar, quer pertencer a todo ser vivente.

Boa semana Everson.

Um beijo!

✿ chica disse...

Sensibilidade aqui lindamente expressa! abração,chica

♥ Sussy* disse...

wow que hermoso poema
lleno de amor inspiracion y melancolia
me encanto! esta precioso
fue un gusto pasar a leerte
que delicia!!!
besos y abrazos buen dia.

Machado de Carlos disse...

Bom dia, Grande Amigo!
Tudo de bom para você!

“Um castelo de areia. Um coração levado pelas ondas.
O beijo que não existe. Uma confusão entre o real e o irreal.
Vale à pena?”

Janaína Pupo disse...

Meu querido, ótimo feriado, linda semana.
Beijos

。♥ Smareis ♥。 disse...

Por vezes a saudade, a dor de um amor, é tão grande que a gente não sente mais. A gente é tudo isso. Beijos e ótimo dia amigo poeta.

MARILENE disse...

O coração não tem idade. Os sonhos são por todos alimentados. E os sentimentos nos assolam, nos momentos de convivência com nossas almas, em completo abandono.

Bjs.

Atelier Lita Duarte disse...

Boa semana para ti, Everson.

Bjos.

Pena disse...

Notável e Fabuloso Poeta Amigo:
Como lhe tenho dito nem sempre o amor é fácil ou entendido na sua plenitude.
Há adversidades ou contratempos em coisas simples e banais.
Excelente instante de poesia fantástica. A sua!
Abraço amigo de respeito pelo que concebe de maravilhar e de profunda meditação.
Sempre a admirar os seus poemas extraordinários para todas elas.

pena

Adorei.
É um brilhante poeta.
Bem-Haja, pela pura amizade.
Parabéns.

Eneida Freire disse...

Belo!
Embora não se pareça comigo, é belo!
Abraço!
http://tengacreencia.blogspot.com

Daniel Costa disse...

Everson

Almas que sonham e pensam, mas sempre e seguirão destinos erráticos.
Abaços de boa semana.

Anne Lieri disse...

Everson,uma poesia maravilhosa!Outra canção que compos!Qual a menina que nunca desenhou um coração em frente ao mar?Belo poema!Bjs,

Flor de Jasmim disse...

Eversom
Lindo!!! Nada como o tempo para curar Tudo...será?
beijo

Vera Lúcia disse...

Olá amigo,
O mar há de levar a dor dessa doce menina.
Ótimo feriado!
Bjs.

Carla Fernanda disse...

Todo sofrimento parece uma morte mesmo. E é.
Beijos

Rute disse...

Que lindo meu amigo amei!

Beijos

Lilá(s) disse...

Venho aqui deliciar-me com tanta coisa bela que você escreve!
Bjs

Rosemildo Sales Furtado disse...

Oi amigo! Aqui mais uma vez passando para apreciar um belo poema, com ênfase para o trecho abaixo:

Ali parada em frente ao mar
Rabiscando na areia um coração
Olhar perdido no infinito
Em busca dos diversos caminhos da solidão

Abraços boa noite e ótimo feriado pra ti.

Furtado.

ॐ Shirley ॐ disse...

Que a inspiração não o abandone nunca, querido amigo Éverson! Beijo de luz!

Aleatoriamente disse...

Sentimentos são preciosos.
Um poema muito profundo e bonito também.

Beijinho.

Néia disse...

Olá poeta...
A água, seja do mar ou da chuva, na sua simplicidade apaga sem perceber as marcas que deixamos, altera o nosso cheiro e muda o clima de nossa alma.
beijos e como sempre tocante...

Desnuda disse...

Bonita poesia meu amigo. Estava com saudades das suas belas poesias.

Beijos com carinho amigo querido.

Suely Rezende - Ministério HD disse...

Olá Poeta amado!!!

Lindo poema....

beijos
Suely

Suely Rezende - Ministério HD disse...

Olá Poeta amado!!!

Lindo poema....

beijos
Suely

 
Web Analytics