quinta-feira, 28 de junho de 2012

E Você...Voltou!?
No louco expresso da vida
Corre mundos e cidades
Trilha uma estrada colorida
Pinta um amor sem maldades
Numa noite eu vi você partir
Sem saber ao certo seu destino
Fiquei ali a sufocar
Os meus sonhos de menino
Foram tantos sois e tantas luas
Da calçada eu tentava imaginar
Quais seriam as estações suas
Em qual estrela você foi se sentar
Longos e tristes foram esses dias
No peito doía a minha agonia
As madrugadas eram todas frias
Totalmente perdida a minha poesia
Mas quando voltou não estava sozinha
Mesmo assim veio me encontrar
Pra dizer que sua alma é totalmente minha
Ainda assim eu quis te matar
Eu te odiei por um segundo inteiro
Depois te amei bem mais que antes
Eu sou apenas um jardineiro
Que planta poesias desses nossos instantes.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta

31 comentários:

Vivian disse...

...o verdadeiro amor sempre
à casa volta.

bjokas, poeta do amor!!

Evanir disse...

Meu Filho Amado.
Te agradeço o carinho de colocar meu livro no seu blog.
Hoje sei meu filho o que você sentiu quando viu seu livro.
O meu já esta a venda mais só vou pegar um na mão sabado.
Como estou sem condições de ir a SP a Anne vai trazer sabado .
Na sexta ela pega na editora por isso já coloquei e pedi para colocar no blog.
Logo o seu chega é muito importante para mim saber sua opinião isso vai me ajudar muito pior se você me reprovar como escritora rsrs.
Sua opinião tem que ser verdadeira é importante alguém como você ler assim tem como dizer se é bom .
Caso der tempo segunda já envio o seu tenho que ir enviando aos poucos todos que me deu livro ira receber o meu.
Mais ñ tem como mandar tudo de uma vez eu ganhei foi 10 livros.
Meu filho se estiver bem vou te ligar amanhã pela hora que estou aqui da pra ver que algo ñ vai muito bem preciso de conselho seu filho amado.
Linda noite beijos mãezinha.
Evanir..

Cidinha disse...

Bom dia meu amigo! Belissimo. Que essa volta se perpetue para sempre. Que esse jardinheiro colha belos frutos do amor! Parabéns! Amei. Bjos e bjos pra ti e um abraço carinhoso. Obrigada sempre!

Daniel Costa disse...

Everson

É fundamental que ponhamos poesia em tudo. Podemos sempre esperar pelo retorno, que sempre virá.
Abraços de amizade e fraternidade

LUZ disse...

Bom dia querido Everson,

Seu poema é mistura de ternura e amor com aquela raivinha, que dura um segundo só.
"Jardineiros" como você, nós queremos muito e muitos.

Excelente quinta-feira.
Beijos de muita ternura da Luz.

Sónia M. disse...

E da agonia, da ausência...daquela dor que sufoca...nasce a mais bela poesia!

Um ótimo dia para si Everson :)

Beijo meu
Sónia

Rô... disse...

oi meu amigo,

nossos sonhos de criança são os mais verdadeiros,
os mais intensos e os mais lindos,
e pode acreditar você é um dos mais cuidadosos jardineiros que eu conheço...

beijinhos

Kellen Bittencourt disse...

Olá amigo, lembrei da minha mãe que foi sentar nas estrelas, tbém me deixou de madrugada, eu a odiei tbém por ter me deixado mas hj sinto sua presença em tudo que faço e a amo profundamente na esperança de que um dia me sentarei nas estrelas ao lado dela! Bjoooss

Severa Cabral(escritora) disse...

Bom dia meu príncipe das letras !
"...Eu te odiei por um segundo inteiro
Depois te amei bem mais que antes..."
Forte nas palavras..."
Só quem ama entende...aiaiaiaiaaiai
bjssssssssssssssssssss

✿ chica disse...

Que lindo!!E plantas lindas poesias!!abração,chica

Ivana disse...

Um jardineiro poeta, amigo, que todos os dias nos brinda com lindos versos de amor, um abraço, um ótimo dia!

Mariangela disse...

E que poesias você planta em nossos jardins em poeta?
Adoramos!
Beijo amigo!
Mariangela

Bandys disse...

Bom dia,
Sabe de uma coisa?? você escreve muito parecido com um amigo meu.(Cazuza conhece)?
Tenho reparado isso já algum tempo. Mas deixa pra la, isso é pra depois.
Concordo com ser jardineiro, mas não é apenas uma jardineiro.... pensa nisso.

Agora Lolo, realmente vamos ter que cuidar dela, tomara que ela tenha melhorado.Hoje ainda mando um email, mais a noite estarei olhando a mesma lua que você e tem mais nada de farofada no blog, rsrsrsrsrsrsrs.
Mas passa la pra ver se não tem inimigo, rs!!
Everson, viu quanta coisa vc tem que tomar conta?
Então fique com deus, coragem, beijos e confio em você

Glória disse...

Nossa, poeta, que poesia mais linda!!!
Você não se cansa de ser um eterno romântico, não é mesmo?
Então ela voltou? Que bom!
Fico feliz por você, amigo!

Abs
Glória

Regina Rozenbaum disse...

E nós, jardineiro poeta, a colher essas maravilhas.
Beijuuss n.a.

AC disse...

Muito bem, jardineiro!

Abraço

Vera Lúcia disse...

Olá poeta,

Continue plantando poesias para o nosso deleite diário.

Ótimo dia.

Beijo.

Pedro Luis López Pérez disse...

Verdaderamente una preciosidad de vuelta en tus palabras.
Un abrazo, Everson.

David C. disse...

Instantes que no se olvidan.

Sônia Amorim disse...

É desses instantes que saem as mais lindas declarações de amor, que brota no peito uma saudade, que faz a gente suspirar e escrever versos que marcam uma vida inteira. lindo, beijos e boa tarde meu amigo.

deisinha disse...

Linda poesia!Aliás,adorei o seu blog!Bjs

MARILENE disse...

Feliz do poeta, que pode transformar a dor em alegria, em suas construções. O adeus dói. O retorno traz o único meio de se apagar a saudade. Bjs.

Smareis disse...

Uma preciosidades esses versos, me deixou a pensar em algum momento meu.

Beijos e ótima tarde amigo poeta!

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Beleza, beleza, beleza de poema. Parabéns, amigo. Excelente! Um abraço.

stefanny disse...

Ola meu amigos! Bem vim fazer uma visitinha em seu cantinho, pois agora voltei a mexer de novo com o blog saudades de todos.. beijos

Cristal de uma mulher disse...

Meu lindo, os sentimentos verdadeiros sempre serão paisagens escondidas mesmo quando há uma separação....e..na volta do ser amado o rancor se transforma em um novo começo e muitas vezes bem mais quente e acentuado..

Um beijo grande

Cristal de uma mulher disse...

Meu lindo, os sentimentos verdadeiros sempre serão paisagens escondidas mesmo quando há uma separação....e..na volta do ser amado o rancor se transforma em um novo começo e muitas vezes bem mais quente e acentuado..

Um beijo grande

Toninhobira disse...

Um jardineiro de poesia bem inspiradas, que falam de coração.Muito lindo amigo.
Meu abraço.

Rute disse...

Que lindo meu amigo!
Grande beijo, ótima noite de quinta-feira

mARa disse...

Linda metáfora do jardineiro e a poesia flor...essa que enfeita nossos dias colorindo nossos sentimentos.

Lindas letras, o tempo te faz mais jardineiro e tuas flores cada dia mais lindas e raras!

bjão!

Elisa T. Campos disse...

Excelente jardineiro que só planta flores com cor de amor.

 
Web Analytics