quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Em Tom de Despedida II
Eu olho a lua daqui do meu mundo
Ela me convida a outro verso rimar
A poesia do sono infinito
Acho que vou aceitar
Vou ali e não volto já
Acho até que nem irei voltar
Quero virar sol pra te abraçar entre estrelas
E mar pra refletir o teu olhar em luar. 
 
By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

27 comentários:

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Olhar o amor com tanta intensidade e vivê-lo com estas cores dá uma magia especial aos nossos dias.

Felisberto Junior disse...

Olá!
Everson
...a despedida é quase sempre um momento difícil na vida , porque envolve forte carga emocional,sentimental, mudanças, ansiedades e incertezas, mas nunca podemos destruir as portas que levam até nós...
Obrigado!
Ótima quinta feira!
Abraços
ClicAki Blog(IN)FELIZ

✿ chica disse...

Uma linda e poética despedida! Vale a inspiração dela! abração,chica

Rô... disse...

oi meu amigo,

a inspiração vem dos sentimentos
mais verdadeiros e profundos...

beijinhos

Priscila Rodrigues disse...

Um convite da lua não posso recusar
A sua luz quero poetizar e amar ♥

Mui belo!

Bom dia pra ti, querido.

Beijos

José María Souza Costa disse...

Estimado, Everson.
Esse reletir de alma, é simplesmente fascinante. Parabens.

Mariangela disse...

Uma linda e profunda inspiração!
Beijos amigo, um dia cheio de alegrias!
Mariangela

Daniel Costa disse...

Bom dia Everson

Boa opção virar sol, o espelho ideal para refletir em qualquer lugar, onde se desejar amar.
A amizade expressa num abraço fraterno

Assis Freitas disse...

ser mar e lua e sonhar,

abraço

LUZ disse...

Oi, querido Everson!

O título de seu poema, me assustou.
A força do amor, as vontades e os desejos permitem que nos transformemos em elementos da natureza, só para amar.

Que assim seja!
Beijos da Luz, com carinho e sol.

D. Garcia disse...

Mesmo com a despedida anunciada, ainda buscamos forma de não nos afastarmos. Que venha o Sol para aquecer e a Lua para enaltecer, que venha o mar para banhar a alma.
Ótima dia, meu amigo! Abraços.

Pedro Luis López Pérez disse...

Esa Luna que nos invita a realizar la Poesía de un sueño Infinito y entre rimas y sensaciones acariciar esa piel de terciopelo entre el brillo de las Estrellas y el calor del Sol.
Precioso Poema.
Un abrazo.

Vera Lúcia disse...


Olá poeta,

"Quero virar sol pra te abraçar entre estrelas
E mar para refletir o teu olhar em luar".

Versos que encantam e de grande romantismo. Adorei!

Um lindo e agradável dia.

Beijo.

Rita Freitas disse...

Bonita inspiração desta lua :)

bjs

Bandys disse...

Lindo! Um dia eu tambem quero virar sol... Por enquanto to na lua.

EU AINDA VOU POSTAR UMA poseia sua, mas te aviso.

Beijos e uma tarde linda proce com coquinha, kkkkkkk

MARILENE disse...

Não há despedida quando ainda se tem no coração o desejo desse maravilhoso contato que traduziu em ser sol e mar. Bjs.

Rita disse...

Para um poeta maravilhoso. que gosto de ler e elogiar......

Eu olho a lua daqui do meu mundo
Ela me convida a outro verso rimar
A poesia do sono infinito
Acho que vou aceitar
Vou ali e não volto já
Acho até que nem irei voltar
Quero virar sol pra te abraçar entre estrelas
E mar pra refletir o teu olhar em luar.

Abraços com carinho
Rita!!!

Dorli disse...

Oi Eversom
Que venham todas as galáxias, todas as luas, as estrelas; os mares, os cometas ,as chuvas,jamais devemos deixar de abraçar nosso amor.
Obrigada
Lua Singular

Rute disse...

Meu querido Everson, quero pedir desculpas a vc, por não passar aqui todos os dias essa semana, meu CP, mas uma vez tem me deixado na mão. Está em manutenção, mas semana que vem voltarei visitar seu cantinho como sempre faço, todos s dias.
Beijos, obrigada

Sissym disse...

Amigo Everson, creio que estou em sono infinito... vou me esconder nele um pouco e só sairei quando a lua novamente voltar a ser cheia.


Bjs

Magia da Inês disse...

♡.¸¸.•°
Olá, amigo!

Não gosto de despedidas, elas fazem parte da vida, fazer o quê?
Não gosto... nem em uma poesia tão inspirada com imagens poéticas tão lindas!...
Um ótimo fim de semana!
Beijinhos.

♡♡♡.¸¸.•*`*

Flor de Jasmim disse...

Uma despedida é sempre triste, mas tuas palavras são lindas.

beijinho e uma flor

Cristina disse...

Adoro la noche y su luna que invaden de poesía el alma... a veces traen nostalgias y otras alegrías.
Hermosas letras mi querido Everson, te dejo un fuerte abrazo!

Smareis disse...

Que coisa linda amigo.

"Quero virar sol pra te abraçar entre estrelas
E mar pra refletir o teu olhar em luar". Mágico essas palavras!

Beijos poeta amigo, ótima sexta!

Marcia Melo Morais disse...

Lindo,lindo!!

Severa Cabral(escritora) disse...

Boa noite meu príncipe das letras !!!!
Dentro da plenitude dos teus escritos sempre nasce um poema majestoso...
bjsssssssssssssssss

Elisa T. Campos disse...


"Quero virar sol pra te abraçar entre estrelas
E mar pra refletir o teu olhar em luar."

Intenso.

bjs

 
Web Analytics