domingo, 6 de setembro de 2009

Chuva Porque Molha o Meu Amor?
A tarde se fazia triste
Cinza feito dia de inverno
Com lágrimas nos olhos ela se foi
Deixando seus lábios num beijo
Numa folha de um caderno
Ao fechar a porta
Meu mundo definitivamente mudou de cor
E lá fora eu via da minha janela
Um temporal que desabava
Depois de uma ventania surreal
E eu perguntava
Chuva porque molha o meu amor?
Ela tão meiga garota serena
Ia a seus leves passos
Suave brisa que do vendaval se fazia amiga
Sendo tocada pelas águas do infinito
Mar que desabava do céu
Queria vir do sal
Só pra provar do seu mel
Seus cabelos escorriam
Molhados perfumando o mundo
Suas lágrimas junto com a chuva
Iam acolhendo seu suspiro profundo
Molhada de desejos sumiu na esquina
Deixando inundada a saudade
Do seu rosto
Dos seus olhos
Do seu corpo
Do seu sorriso de menina.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade

23 comentários:

Diário Espiritual da Vilminha disse...

Oba!!!!! cheguei primeiro neste domingo que tem tudo pra ser maravilhoso. Bjs

Vilminha disse...

Senti neste poema que seu amor realmente é só dobrar alguma dessas esquinas da vida. Fica com deus no coração e alma. BJs

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Poema lindo, inspirado, maravilhoso, Poeta querido.
Beijos e sonho com a menina,
Renata

Layara disse...

Há nessas esquinas da vida, sempre algo partindo ou vindo.
As vezes a chuva leva algo em suas aguas nas sargetas da vida.
Molham bocas desejadas
E deixam sempre saudades.
Assim quase sempre é.

Beijos bom domingo e de brinde um feriado [copiei, rssss...beijos então]

Tatiane Trajano disse...

Que lindo, ainda mais inpirado pela chuva..

Bom domingo!

beijosssss

Daniel Costa disse...

Evenson

Ainda que molhada a mulher fica sempre bela. Os olhos do poeta admiram-na, não com pela chuva que cai, ou sol que fal, quando o próprio coração faz clic e se conjuga com o corpo que se arrepia, se prepara para a ver como que modelar.
Depois... depois simplesmente a mente transfoma o sentimento num belo poema.
Abraço,
Daniel

Pena disse...

Oh, Estimado e Brilhante Poeta Amigo:
VOCÊ faz uma extraordinária magia com as palavras.
Tem uma sensibilidade poética admirável e perfeita.
"...Suave brisa que do vendaval se fazia amiga
Sendo tocada pelas águas do infinito
Mar que desabava do céu
Queria vir do sal
Só pra provar do seu mel
Seus cabelos escorriam
Molhados perfumando o mundo
Suas lágrimas junto com a chuva
Iam acolhendo seu suspiro profundo..."

Espectacular. Sensível Profundo.
Um hino magnífico às musas inspiradoras de sonho.
FABULOSO!
Abraço amigo de respeito e estima. SEMPRE!
Maravilhado...


pena

Bem-Haja, fantástico Ser Humano/Poeta notável.
Adorei!

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Olá, meu Poeta querido!
Passando para desejar-lhe um lindo domingo de paz e tranqüilidade!
Beijos e beijos,
Renata

Desnuda disse...

Bom dia amigo!

Tanta ternura expressa em versos apaixonados...


Beijos com carinho.

seu gordo disse...

passando e deixando um abraço saude e paz

FOTOS-SUSY disse...

OLA EVERSON, EXCELENTE POEMA, SENTIMENTOS SUBLIMES AMIGO, COM MUITA INSPIRACAO...
UM FELIZ DIA DE DOMINGO...
BEIJO COM CARINHO!!!


SUSY

Edimar Suely disse...

Oi lindo,

Amei seu poesia. Aliás gosto do que você escreve.

Desejo um lindo feriadão e muita paz em sua vida.

Smack!

Edimar Suely
jesusminharocha2.zip.net

BANDEIRA disse...

Linda moça...será sua musa inspiradora ? aquela que te faz amar e escrever nas madrugadas estes poemas tão belos e sensuais ?

Beijos amigo !

Wanderley Elian Lima disse...

Oi , amigo Everson, passei para ver seu novo poema e lhe desejar um ótimo feriado.
Abração

Luciana P. disse...

E que o sol seja suficiente para aquecer o coração deste poeta e dar-lhe inspiração para continuar escolhendo as palavras certas para formar os seus versos...
Inverno tem lá o seu charme, mas a chama do amor combina com calor e calor tem a ver com sol, música, beijo, corpo quente, tesão, desejo, transpiração, uh!!!


Beijos, poeta, um ótimo feriado pra você!

Ava disse...

Everson, final de domingo com gostinho de suade e cheiro de chuva...

Ou o inverso...rs

E com sua poesia, um belo trio...

Chuva, saudade , poesia...



Beijos de domingo!

JOSÉ ROBERTO BALESTRA disse...

Everson, é sempre um encanto passar por aqui e ver tanta poesia linda. Inspiradíssimo,hem? Parabéns! Adorei essa aí. abs

Blue disse...

E a chuva não molha apenas o teu amor, molha o meu também e da-lhe chuva de verdade neste feriadão! Fazer o que? Ora..... simples! Deixar chover, que a terra precisa de água também.

Abraços......... mas perder em casa???

Anna disse...

Oie poeta querido, boa noite!
Olha eu aqui, depois de uma longa temporada de astral baixissimo, ausente, tentando voltar... Não sei se vou conseguir, mas dando o primeiro passo... rs
E é muito bom estar aqui e ler mais uma vez seus maravilhosos poemas!!
Aproveito para desejar-lhe um lindo feriado e uma semana cheinha de paz e alegrias. Beijos em seu coração, poeta querido!

Bandys disse...

Everson,
Tem razão de ter saudade!!

Beijos

Ja cheguei!!

Amanda disse...

Chuvas trazem e levam saudades.
A chuva sempre me lembra a noite inesquecível com meu amor...
Saudades de noites como essas.

Abraços!!!

evanir disse...

Boa Noite ,,meu filho amado hoje consegui mais uma vez entrar nesse mundo magico .Quantas coisas gostaria de deixar escrito para você ,quem sabe um dia vai ler minhas visitas com muitas saudades .A vida é passageira e muitas vezes me questiono ao visitar você quanto tempo ,Deus me dara para tamanha felicidade ?
Eu quero filho querido que se recorde de mim como alguem que muitas vezes você deu conselhos ,e tanto orou pela minha saúde .Hoje meu anjo venho desejar uma noite divina .um amanhecer na paz de jesus .Uma semana abençoada sinta -se abraçado por mim agora beijos no seu doce coração maizinha ,Evanir.
www.fonte-amor.zip.net

Nanda Assis disse...

que lindo!!!!
adorei.

bjosss...

 
Web Analytics