quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Pássaro Livre e Sem Rumo
Pássaro livre e sem rumo
Voa de encontro ao infinito
Pede todo o espaço possível
Paira sem sair do prumo
Percorre a imensidão azul
Desliza pelo ar de norte a sul
Faz um rasante pra tocar o mar
Como eu tocava seu corpo
Em noite de luar
Pousa no alto da montanha
Colhe girassóis em campos de cor
Sobrevoa seus sonhos de luz
Será flor quando tu flores amor
Desenha no céu um coração
Pendura no arco-íris no verão
Como pássaro livre e sem rumo
Vou sobrevoar sua emoção
E a noite quando você se deita
Ele repousa num galho ao vento
Demonstrando que no mundo a chuva se ajeita
Pra te trazer alivio e contentamento
Ao passar a tempestade
Lá vem ele de novo em seu sono voar
Percorrer as curvas do seu corpo
E ao seu universo contemplar
Pássaro livre e sem rumo
Proteja a minha menina
Não deixe nunca que ela sofra
Pois sua lágrima pra mim
É água cristalina.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade
Comunicado
Aos blog amigos, temos que ficar atentos a uma suposta pessoa mal intencionada que está agindo entre os blogs, deixando comentários desagradáveis e prejudicando o bom funcionamento dos blogs, invadindo a privacidade dos emails de seu proprietários e fazendo desaparecer comentários, nossos amigos Prof. Pena, www.memoriasvivasereais.blogspot.com e a Sarinha, www.sentimentos-sam.blogspot.com , foram vítimas do tal desocupado, e como o blogger ou o blogspot não nos dão uma resposta a respeito será bom que todos fiquemos atentos e estejamos todos juntos nessa batalha pelo bem. Obrigado a todos.

42 comentários:

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

"Pássaro livre e sem rumo
Proteja a minha menina
Não deixe nunca que ela sofra
Pois sua lágrima pra mim
É água cristalina"
Lindo demais!
Obrigada sempre,
Beijos
Bom dia!

PS: Demos nossos toques!

Maria L. Bózoli disse...

Amigo , agradeço o recado de pessoas mal intencionadas, já tenho ouvido falar muito. Já nao se tem mais segurança mesmo.
Começou como orkut e comunidades, os hachers estao devorando rsrsrs

Beijos prá ti.......Boa Noiteeeeeee

Luciana P. disse...

No meu caso, só tive comentários maldosos de um anônimo, mas já andei percebendo entradas estarnhas no meu blog pelo feedjit. Sei lá o que pode ser! Tomara que essa pessoa desista disso, não sei o que pode ganhar com isso, enfim...

E sobre o pássaro sem rumo, que ele rume para o caminho certo, você sabe qual é. Lindos versos! Bjs, boa quarta pra ti!

Pelos caminhos da vida. disse...

Moderei meus comentários devido a uns que usavam o anonimato para me agredir, mas já aconteceu várias vezes de eu publicar comentários e os mesmo sumirem.
Não é de hoje que anda acontecendo coisas desagradáveis nos blogs, nós como blogueiros devemos nos unir.

beijooo.

EDUARDO POISL disse...

Um lindo poema!!
Também já tive comentarios assim.


"É preciso muito pouco.
A alegria está muito próxima.
Mora no momento.
Perdemos a alegria porque
pensamos que ela virá no futuro,
depois de algum evento
portentoso que mudará a nossa vida"

(Rubem Alves)

Desejo uma linda semana com muito amor, paz e carinho.
Abraços com todo meu carinho.

Nanda Assis disse...

que lindo. q este passaro voe porem volte sempre ao ninho.

bjosss...

Nany C. disse...

Infelizmente é assim Everson...
Existem pessoas que adoram aborrecer para serem percebidas...(uma pena )

...................................
Ao passar a tempestade
Lá vem ele de novo em seu sono voar
Percorrer as curvas do seu corpo
E ao seu universo contemplar
...................................

Lindo!!!
Você sempre a brindar com lindas palavras!!

Ai, meu amigo... que Deus ilumine teu caminho sempre!
Beijos ternos no teu coração!

Sandra Mara disse...

Lindo poema!
Obrigada pelo convite, meu lindo e mais recente amigo. Estou vindo pela primeira vez aqui e estou amando. Seu cantinho é tdo de bom e pode ter certeza de q já estou me sentindo em casa e porisso farei dele o meu cantinho tbm..
Um começo de semana iluminado e abençoado!
Beijos e até já já!

Daniel Costa disse...

Everson

Ao poeta cabe sempre fazer apelos. Quantas vezes um pássaro sem rumo,que poderia encontrar a rota certa se mais lançassemos alerta.
Nem saberá bem a sua força, o que pode dizer e escrever um poeta!
Abraço
Daniel

SAULO PRADO disse...

Foi muito bom voar nas asas de seu pássaro...

Parabéns pelos seus versos meu amigo poeta!!!

Gilson disse...

Queria eu ser um passaro para voar livre pela vida.

Será que essas pessoas não tem o que fazer, que coisa mais sem graça.

Abs

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Acho que esse pássaro já tem um rumo, uma missão: cuidar da menina, guarda´-la em suas asas.Deu vontade de voar agora, de ser o próprio pássaro.Belo.
//
Vi alguns amigos falando aí de comentários maldosos, difamadores. Eu pus moderador no meu blog, justo por isso.Recebia mensagens ofendendo, coisa mais chata. Tem gente de todo jeito no mundo,né. Se dar a esse trabalho de ir num blog ou orkut só para atacar. Um abraço

Sandra Botelho disse...

É lindo tudo que vc escreve, em cada verso em cada linha tem uma paixão enorme...
Tomara que este passaro livre leve você a pousar nos braços de sua menina.
Tenha uma linda quarta. Bjos no coração!

carol sakurá disse...

As pombas voam em direção ao sol sem queimar as retinas.
O poeta se alimenta do sol.
Bela poesia!

Abs!

Carol Sakurá

neide disse...

Lindo poema.

Vi seu comentário na Lú.. também já recebi uns maldosos desses, como tenho moderador de comentários a pessoa parou.
Não entendo como tem gente que perde tempo tentando fazer maldades pros outros... se faz com quem não conhece imagina com as pessoas que estão próximas a ela?

Tenha um lindo dia.

Bjss

Memória de Elefante disse...

O pássaro do Amor em um voo lindo protegendo e zelando a amada.


Um beijo

DE VEZ EM QDO VENHO AQUI disse...

q lindo, qm ama cuida sempre...vc é especial né!!
nossa, ainda nao foram ao meu blgo me agredir, mas se forem, eu mando pra pqp,kkkk
tinha um cara chato antes q sempre ia,mas sumiu, eu fui no dele tb, respondi à altura...ele parou...
nem lembro mais qm é...faz tempo...bjs

SAM disse...

Um lindo poema, amigo. Com a delicadeza do seu sentimento e o brilho da sua alma.


*¹ Como lhe disse só fui uma das atormentadas rsrs como você, Regina, Pena e muitos outros ( os comentários não foram anônimos e foram em massa). Mas o caso do estimado e dignissimo amigo Pena é lamentável, pois parece que destruiram seu email. Sobre comentários desaparecidos, sou desligada neste item. Caiu a ficha quando vi a postagem no blog do amigo Pena, como já lhe disse. E como o dele também notei no mesmo dia uma diferença..Enfim, o mais grave é esta maldade com Pena, um homem sério, digno, afetivo, boníssimo! Que responde a todos com a sua habitual delicadeza e respeito. Lamentável! E precisamos não só ficarmos alertas, mas também solidários.



*²Aqui no Sam sempre estiveram liberados os comentários. Mas sempre ( desde a criação do blog) com moderação. No Desnuda ( sempre moderados, por razões óbvias) só fechei a caixa de comentários da postagem " Suspensão" no Desnuda. As anteriores continuam abertas. Obrigada pelo carinho e sincera amizade, Everson!

Época de reflexão que antecede a data máxima da renovação da esperança, fraternidade e solidariedade. Que possamos todos dar as mãos numa roda fraternal. E que ela se estenda cada vez mais, com amor, paz, harmonia, solidariedade. Uma bela roda de luz!


Beijos

Chinha disse...

O belo voo do pássaro é sinal que ele ruma a liberdade e por isso nessa mesma liberdade ele á capaz de um regresso.

Muito belo este teu poema.

Obrigada pelo alerta

bjinhos e boa resto de semana

Bandys disse...

Adoro a liberdade.
Lembrei de Claudia Leite

Eu conheço a imensidão do céu
Pássaro que sou, Mergulharei de vez
Uma vez ou três.Duzentos por hora, ou algo mais,Na velocidade de encontrar você Te merecer
Voar, sem ter onde chegar.
E de lá do céu Formaremos dois em um só, Fugirei da chuva,
Beijarei o sol.

Amanheceu
É hora de voar


Lindo seu poema!

Obrigado pelo seu comunicado, ficarei atenta.

beijos na alma.

FOTOS-SUSY disse...

OLA EVERSON, MARAVILHOSO POEMA...QUE ESSE PASSARO TRAGA MUITO AMOR A SUA VIDA...OBRIGADO PELA ALERTA...QUE TENHAS UMA OPTIMA TARDE AMIGO!!!
BEIJOS COM CARINHO,



SUSY

Amanda disse...

"Pássaro livre e sem rumo" livre sim, sem rumo não... Saber para onde vai é importante, entende? KKK

Beijos em versos!!!

Elaine Barnes disse...

Obrigada pelo aviso. Assim que eu começar a posta novamente vou colocar no meu blog tb. Tá complicada a coisa né!?
Seu poema me fez voar como passarinho. A frase:"Será flor quando tu flores amor" me encantou também. Lindo de viver amigo. Bjs no seu coração tb e muito obrigada pelas visitas carinhosas.

Wanderley Elian Lima disse...

Olá amigo, belo poema. Obrigado pelo alerta, existem realmente pessoas mal intencionadas em todo lugar.
Um forte abraço

Garota Karioka disse...

Fico realmente encantada com sua inspiração.
Sempre com poemas lindos!
Beijos, beijos!

Adolfo Payés disse...

De regreso.
Por problemas de salud estuve ausente estos últimos días,
ya me pondré a la altura de sus blog para comentarles..

Pido disculpas por no poder pasar a comentarles.

Gracias

Un abrazo
con mis
Saludos fraternos de siempre..

Deusa Odoyá disse...

Meu lindo , doce e querido amigo.
Everson fui também vítima como a Sam falou, devemos sim estarmos alertas e nos juntarmos, quem sabe possamos com a grandeza do nosso amor retirarmos essas trevas de nossos caminhos.
Meu lindo isso está ficando insustentável, entram, agridem e ainda zombam de pessoas honestas, pessoas de caracter de bem.
O que aconteceu com nosso amigo Professor Pena.
Everson obrigado por sua visita e seus recadinhos em meu espaço.
Querido vc. é a alma, a luz dos meus dias.
te dolo...
Quanto ao seu poema, gostaria de ser esse pássaro, para pousar em sua vida lhe trazendo muita luz, força, fé, amor e sonhos.
Pois, os póetas vivem de sonhos.
È vc. meu lindo é um deles, sonhos alguns realizados, ou não.
Por isso amo a liberdade, deixo as coisas que amo livres...
Se elas voltarem é porque as conquistei, se não voltarem é porque eu nunca as possuí.
Na vida, não vale tanto o que temos, nem importa quem somos.
Vale sim meu querido,o que realizamos com aquilo que possuimos
E acima de tudo importa sim, o que fazemos de nós.
Everson continue esse lindo sonhador, pois através deles nos passa lindos poemas.
Que o sussurro do vento
te leve um beijo carinhosos e terno
e me deixes em seus pensamentos, para que a distância não apague de tí, meu amigo lindo, a minha existência.
Uma semana de muitas realizações, glórias e amor.
Fqiue na doce paz desse seu espaço.
Beijinhos doces, meu amigo
Regina Coeli.

Ana Lúcia disse...

E como por encanto,
Depois daquele dia
Em q a luz do medo se apagou,
Jamais um amante sobre a terra
Que amor em seu peito encerra
De olhos abertos beijou..

grande beijo meu querido

Felina Mulher disse...

Everson ,tenho vindo aki em teu blog inumeras vezes ao dia ,e sempre encanto-me com a tua escrita , o teu sentir...releio teus poemas muitas vezes...poemas que se sentem na alma ... e que transmites a quem te lê toda a tua essência ...
O poema é belíssimo tal qual tua alma.

Beijos meu poeta lindo!

Sol da meia noite disse...

O amor de que aqui falas, é um sentimento nobre, de bem querer. É um amor que, ao mesmo tempo que protege, dá liberdade.
É pássaro livre que voa até onde desejo houver...

Lindo, muito lindo, meu amigo :-)


Beijinho *

Adriano disse...

Mais um poema maravilhoso, leve como a pena, gracioso como o pássaro, de cuja vida eu desejaria um dia desfrutar...

Grande abraço, meu amigo!
Adriano

Mariana disse...

Lindo poeta, mt obrigada pelo aviso, irei ficar em Alerta.
Já tinha ouvido algo a respeito.
Qt ao teu blog, eu amo passar aqui.
E as vezes eu não consigo comentar, ocorreu isto há uma hora, agora estou conseguindo.
Beijos

jb mendes disse...

Estimado companheiro, Neste mundoinstigado e virtual, por meio do qual envio-lhe votos de FelizNatal e a minha esperança de que estamos nos aproximandode novos tempos quando todas as noites serão Noites de Natal e a Noite Feliz será para sempre. um afetuoso abraço JBMendes

Val Du disse...

Everson,

"Passáro livre e sem rumo"
Que bela celebração à natureza.
Maravilha!

Beijos.

Tatinha disse...

Ciao amore mio, mi sumida! Bene ... Sono in crisi l'esistenza, sentendo i miei seni enormi pacendo una matrona italiana, tanto che ho parlato Italio per esso. Io voglio bene.
Como pode notar : Tatinha-a-atacada em ação.
Não falo una parola em italiano, peguei tudo no google.
Mas nem por isto deixei de sentir saudades docê meu encantador amigo.
Um cheiro mineiro gostoso procê.

Fumaça Subindo disse...

gostei das rimas

Blue disse...

Que este pássaro livre,
continue a iluminar sua imaginação,
grande Poeta Mineiro!

Abraços

HSLO disse...

Eu quero ser esse pássaro livre.


amigo obrigado por esse comunicado sobre o blog, viu.


abraços


Hugo

Sonhadora disse...

Amigo
mais um belo poema
Adorei
Tomei nota do aviso vou estar atenta
Obrigada
Beijinhos
Sonhadora

paula barros disse...

Um belo pássaro afetuoso, que sabe zelar e amar, e livre.

beijos com carinho

Anônimo disse...

es kann hier der Fehler? cialis 20mg kaufen levitra generika [url=http//t7-isis.org]cialis[/url]

Anônimo disse...

If you are part of the solution, you are part of the problem.

 
Web Analytics