terça-feira, 10 de maio de 2011

A Tua (Dor) Tristeza
Guardo nas gavetas da vida
A tua tristeza de alma
Os teus desejos em coração
A tua pressa me acalma
Mas teus mistérios
Fazem-me perder a razão
Quero ter a certeza
De que tu não és assim
Quero encontrar a nobreza
Do que despertaste em mim
Senti no teu olhar
O mesmo que busca o amor
Senti nas tuas escritas
Palavras sofridas de dor
Fizeste um vôo rasante
E tocaste uma flor
E foi nesse exato instante
Que eu semeei teu amor
Hoje não vejo sentido
Em teus rabiscos de poesia
Pois tu não quiseste estar mais comigo
Em noites escuras e frias
Rasgo do peito a mentira
E sigo rumo ao teu infinito
Não sei o que realmente sentira
Mas tu não ouviste o meu grito.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais®©
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade

O Livro dos Dias Poesias
Pedidos no email: evr.russo@uol.com.br

39 comentários:

Jasanf disse...

Bom o eu-lírico sofre por alguma dor, talvez a da alma ou a do coração. O importante que ele tem as repostas para suas dores e tristezas. Belo poema!

Pluma Roja disse...

precioso poema. "Guardo en los cajones de la vida/Su tristeza del alma." Una bella figura.

Buenas noches poeta.

Mucho amor para ti.

Hasta pronto.

R. R. Barcellos disse...

- Você está sempre inspirado, Everson... mas desta vez com mais brilho ainda. Parabéns.

meus instantes e momentos disse...

Oi amigo Everson.
belo como sempre, belissima foto.
Maurizio

edumanes disse...

Amigo Everson, passei para
lhe desejar um bom dia e
encontrei este lindo poema.

A imagem faz pensar
A beleza causa a dor
Corações apaixonados
É linda como uma flor
Não podem viver separados
Quando existe muito amor.

Um abraço
Eduardo.

Vivian disse...

Bom dia,Everson!!

Ah!...é sempre triste quando não dá certo...os desencontros de sentimentos, acontecem...bom que se transformam poesias!!
beijos meu amigo!!!
Paz e alegria pro teu coração!!!

Mar... disse...

Dores do amor...o que hj é dor...um dia já foi paixão...e o que resta é só essa saudade que se apresenta em forma de dor...lindo de viver meu Renato Russo...tenha um dia com muito amor, poesia e muita luz meu querido...bjs carinhosos...

Flor da Vida disse...

Nossa! Essa rasgou o veu e mergulhou no mais profundo da alma... Lindo demais meu amigo!!!

Carinhos mil pra ti, viu?
Beijos

Majoli disse...

Oi meu querido, sua poesia é linda e triste.
Tem um certo alguém que também não ouviu meu grito.
:(

Beijos com carinho no teu coração.

Wanderley Elian Lima disse...

Olá poeta
Nem sempre quem queremos, nos quer, são os desencontros da vida.
Tenha um linda terça
abração

AC disse...

Everson,
A vida é feita de encontros e desencontros...

Abraço

CAIXA DE FATOS disse...

Bom dia, poeta.


Bjs

Daniel Costa disse...

Everson

As mulheres sempre serão seres humanos, mundos que nem sempre se compreendem. O bom poeta da mulher, que és acabas por reflectir o paradigma.
Abraço fraterno

Carla Fernanda disse...

Não ouves, então perdes!
Bom dia Ecerson!

Pena disse...

Brilhante Poeta Amigo:
Um poema fascinante e extraordinário de amor.
Notável.
Abraço amigo ao seu imenso talento poético.
Com respeito pelo que concebe de beleza poética magistral.
Sempre a admirá-lo

pena

Bem-Haja, pela visita.
É um Ser Humano grandioso.
Parabéns.

нєllєи Cαяoliиє disse...

Se não ouviu,que fazer?
Insistir talvez? pois o amor nunca se rende!
Beijos,Everson!

Anônimo disse...

Tranca bem essas gavetas e joga fora as chaves,tenho pressa em rasgar do peito essas mentiras e afastar para sempre as tristezas de minha alma.

Ma Ferreira disse...

Ol'a meu gentil poeta sonhador.
Lindo seu poema...a t rilha sonora emoldura lindamente sua poesia.
Sua poesia toca meu coracao, missao dos poetas.
Tocar o coracao..as vezes pelo, amor, as vezes pela dor.
Estou aguardando seu livro ansiosa!!

bjkas

Ma

Guará Matos disse...

Esse tipo de relação narrada por ti é mais comum do que se imagina. Nos momentos mais carentes o abandono de uma das partes é evidente.

Abraços.

Dave disse...

Intenso e foda!

Seria uma tristeza recheada de dor, ou uma dor recheada de tristeza? Não importa. O que importa é que quando acontece isso de uma das partes "abandonar o barco" a coisa afunda.

Beijo!

lita duarte disse...

Oiiii.

Boa terça-feira para ti.

Bjos.

Contos da Joii disse...

É assim mesmo poeta. A verdadeira solidão é a inexplicável. Aquele vazio que vc sente e nem sabe a razão. Volto e meia fico assim, triste e nem sei dizer ao certo o motivo.
Uma ótima semana pra ti Everson querido. Bjs da Joii.

Zil Mar disse...

Oi Poeta....

não vou comentar...dispensa qualquer comentário de tão bela...ouso sentir...saborear...deixar que penetre mihna alma...e desperte meus sentidos...


meu carinho!

Zil

Desnuda disse...

Querido amigo,


Uma pena...Mas é um belo poema!


Beijos com carinho e lindo dia, Everson.

Bandys disse...

Teu corpo com amor ou não
Raspas e restos me interessam
Me ame como a um irmão
Mentiras sinceras me interessam
Me interessam...rsss

Poeta Everson, vc cada di se supera..

Beijos

Lila disse...

Oieeee menino poeta...

Não guarde aquilo que foi mentira.
A insanidade alheia não deveria nos fazer tristes.
Bjs meus !!!!

Natália Rocha disse...

Que belo!

Às vezes tudo perde o sentido.
E tudo que queremos é que alguém ouça nosso grito.

Beeijos*

Sandra Botelho disse...

Talvez não tenha sido verdadeiro e se não foi querido é porque não vale a pena. Nunca valeu.
beijos achocolatados e desculpe o sumiço, estava viajando.

Sonhadora disse...

Meu querido

Por vezes ficamos assim, com o grito preso na garganta e o silêncio no peito.

Beijinho com carinho
Sonhadora

Rute disse...

Pois é querido amigo, tudo que eu vivi não passou de mentira
Por mais que o coração queira gritar e dizer que não!

Beijos,ótima noite de terça-feira a vc.

ONG ALERTA disse...

Náo precisamos guardar a dor...ela sempre de um jeito ou de outro estará ali presente, beijo Lisette.

Machado de Carlos disse...

Obrigado, amigo pelo seu belo comentário em meu blog. Para mim, é uma grande honra receber suas palavras!

A vida é longa. Mas por ser longa a vida nos coloca em gavetas, como parte de ensinamento para a nossa alma. Um mistério que acompanhados, nos levam a uma nobreza absoluta. Sonhamos. Nos sonhos reais chegamos ao infinito. Nosso grito ecoa pelo Universo!

Grande Abraço!

Amapola disse...

Boa noite, querido amigo poeta.

Lindo e melancólico...

Um grande abraço.
Tenha uma linda semana de amor e paz.

AFRICA EM POESIA disse...

Deixo um beijinho
Saio em silêncio.
Sabes o que penso...

AFRICA EM POESIA disse...

Tenho que reforçar


Belo poema...

Lau Milesi disse...

O poeta também se inspira na dor. Belíssimo poema, poeta amigo e gentil!!!
Um beijo pra você e uma boa noite!

Rosemildo Sales Furtado disse...

Quero ter a certeza
De que tu não és assim
Quero encontrar a nobreza
Do que despertaste em mim

Gostei muito deste trecho. Belo poema amigo.

Abraços,

Furtado.

Paula Barros disse...

Gritos que não foram ouvidos, amor que não foi sentido, poesias perdem o sentido.

abraço

Patrícia Pinna disse...

BOA NOITE. FINALMENTE ESTOU CONSEGUINDO POSTAR UM COMENTÁRIO PARA VC. QUERO TE AGRADECER PELO COMENTÁRIO QUE FEZ SOBRE O MEU SIMPLES POEMA PARADOXO, COMENTÁRIO, ALIÁS, QUE MUITO ME HONROU. BEM, ELE DESAPARECEU. NÃO ESTÁ EM LUGAR ALGUM, E É CLARO QUE EU NÃO O EXCLUI. NÃO SEI O QUE ACONTECEU, ESTOU MUITO TRISTE COM ISSO, POIS SEU REGISTRO É MUITO IMPORTANTE PARA MIM, ASSIM COMO DE TODOS QUE QUISEREM COMENTAR. VI O SEU OUTRO BLOG, MUITO LINDO MESMO. VOCÊ É O TIPO DE POETA QUE NÃO PRECISA SE ESFORÇAR PARA PASSAR ALMA E SER COMPREENDIDO. HÁ MUITO QUE EU NNÃO VIA ALGÚÉM QUE ESCREVESSE ASSIM. NA REALIDADE, CONHEÇO POUCAS PESSOAS A QUEM CHAMO DE POETA. VOCÊ TEM UM DOM, E ISSO É FATO. PARABÉNS, EXCELENTE FINAL DE SEMANA. QUE DEUS ABENÇÕE A SUA CRIATIVIDADE CADA VEZ MAIS, E TE DÊ SEMPRE HUMILDADE. BEM, UM BEIJO E TUDO DE BOM.

 
Web Analytics