segunda-feira, 12 de março de 2012

O Menino e a Menina
Ele caminhava pela rua
Ainda sonolento da ultima estrela
Ultimo afago da madrugada que se foi
Perdida em sonhos impossíveis
Chutou uma pedrinha do caminho
Sentou num banco sob uma árvore
De um galho lá do alto pela força do vento
Uma flor bailou suavemente ao seu encontro
Calmamente ele se abaixou e a resgatou da frieza do chão
Quando ergueu novamente seus pensamentos
Deparou-se com um lindo olhar de menina
Puro e que guardava uma última lágrima de dor
Seria aquele um novo encontro de amor?
Dedilhou seu sorriso num violão
Afagou sua pele como seda de um lençol que guarda todos os segredos
Abraçou ali sob o olhar fixo do inverno e uma paisagem opaca
Seu frágil corpo que implorava carinho
Embriagou-se no perfume inigualável dos seus cabelos
Apertados ali um contra o outro
Alma se aproximando de alma
Corações acelerados batendo num ritmo sem explicação
Dois corpos se transformando em um
Ele nada disse
Ela nada falou
Ele amou
Ela amou
Numa nova história que começou
Assim, simples como a vida que não complicamos.
Fácil como o amor que permitimos
Frágil como a flor que do alto infinito se atirou
E a pequena pedrinha quase abandonada e chutada
Foi a primeira de um castelo a se construir em vida
Era inicio de manhã
E dessa vez o poeta não falou de lua
Ele apenas queria a menina pura e nua
Deitada em nuvens de seu paraíso fatal.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

41 comentários:

David C. disse...

Bonito poema.

David C. disse...

Bonito poema.

David C. disse...

Bonito poema.

Íntimas Intenções by Anita disse...

Linda essa poesia, uma menina e um menino, um homem e uma mulher, entregues a paixão, em seus mundos.

Obrigada pela visita lindo, e que tenha uma segunda gloriosa e inspiradora.

Beijos suculentos!

Machado de Carlos disse...

Na ilha havia um castelo. No castelo morava uma mulher muito linda, seu corpo era feito de notas musicais. Havia nela o olhar sensível de menina (uma menina-mulher).
Moravam nos pensamentos dela um jardim encantado com as mais variadas flores.
O vento dançava com os ciprestes enfeitando um banco ao lado do caminho.
Os sonhos se transformaram em realidade; neles não havia os fins das madrugadas.

LUZ disse...

Bom dia querido Everson,

Que bonito poema, que é, afinal, uma linda história de amor.
Esse sentimento é, assim, tão simples, que basta o toque numa pedrinha, e tudo pode acontecer.
E o Paraíso se fez.

Boa semana.
Beijos de luz.

Daniel Costa disse...

Evenson

Do magnifico poema se presumo, se há casos sem explicação, as almas de fundem e elas próprias preferem manter secreto o perfume da união.
Abraço de fraternidade.

✿ chica disse...

Linda história de amor!abração,linda semana,chica

Vivian disse...

Bom dia,Everson!!

Lindo meu amigo!!!Puro romance!
Beijos!

♫*Isa Mar disse...

Bom dia Everson, lindo poema, beijos e ótima semana!

Sônia Amorim disse...

Me vi nessa cena imaginando cada detalhe como se eu fosse essa menina, que lindo começo de romance, como criança ainda, tiraste de mim uma esperança que pensava ter perdido em encontrar amores por aí, amei demais, beijos e bom dia

Mariangela disse...

É a pureza do amor brotando da simplicidade de dois corações...
Lindo poema querido amigo e uma semana cheia de paz!
Beijo
Mariangela

Severa Cabral(escritora) disse...

Bom dia meu príncipe das letras!
lindo como sempre que tudo que vem de vc no poetar...
Linda semana!
bjssssssssssss

Marcia disse...

Lindissimo poeta parabéns !!Boa semana meu querido!Um bjo!

Simone butterfly disse...

oi amigo Everson amo as suas poesias tem um toque especial, gostaria de perguntar se posso compartilhar essa linda poesia lá no blog, lógico que colocarei os créditos, amei a poesia, espero a resposta, beijos e boa semana!

Desnuda disse...

Querido Poeta Everson,


Belíssimo!!! Bravo! Fico com as belas impressões.


Linda, inspirada e abençoada semana amigo.



Beijos com carinho.

marlene disse...

lindo e perfeito união de sonhos de córpos de almas,que enfeitam as madrugadas desenrolando novos contos novos poemas e lindos sonhos de amor
parabens poeta a cada dia voce se renova e abrilhanta a espectativa de seus leitores com encantamentos com este de hoje um abraço de boa semana bjs marlene

Filha do Rei disse...

Bom ler um texto como o teu para iniciar a emana. Parabéns! Bjs

Bandys disse...

Oi Meu amigo,

Numa nova história que começou
Assim, simples como a vida que não complicamos.
Fácil como o amor que permitimos.

Tudo que não complicamos e que permitimos, vira um verdadeiro conto de fadas principalmente se tem amor.

Voce esta escrevendo demais, diria eu que igual cazuza....hehehehe

beijos e uma semana de amor e paz

SOL da Esteva disse...

Everson

O Amor nasce do nada. A pedrinha foi o nada. A flor, foi o nada.
Misteriosos os caminhos do Amor.

Abraços

SOL
http://acordarsonhando.blogspot.com/

Rô... disse...

oi meu querido,

com ou sem lua,
o que impera por aqui é
esse lindo amor...

beijinhos

edumanes disse...

O menino e a menina,
Num alegre brincadeira
Quando ainda pequenina
No futuro namoradeira?

Desejo para você, meu amigo uma feliz tarde, e da maneira com o mais desejar.
Um abraço.

Lolita dulce disse...

Linda poesia meu querido amigo...
uma otima segunda para você...

Beijinhos.

Smareis disse...

Maravilhoso esse poetar. Um paraíso de amor.
Beijos grande poeta amigo.
ótima tarde!

VANESSA LARANJEIRA disse...

oi... passando p deseja um ótima semana e avisar q tem post novo la no meu cantinho... bjksss

VANESSA LARANJEIRA disse...

oi... passando p deseja um ótima semana e avisar q tem post novo la no meu cantinho... bjksss

AC disse...

Em grande, Everson, parabéns!

Abraço

Flor de Jasmim disse...

Everson meu amigo
Lindo demais!
Atrevo-me a dizer que é um romance de amor que nos transmite em poesia.
Amei.

Beijinho e uma flor

Amapola disse...

Boa noite, querido amigo Poeta.

Lindo, lindo!!

Tenha uma bela noite de amor e poesia.

Beijos.

Graça Pereira disse...

Estou de volta...depois de uns dias cinzentos!
Porque será que os poemas de amor são sempre bonitos e eternos?
Ah! Não podemos viver sem ele.
Mil beijos e uma semana muito feliz.
Graça

Vera Lúcia disse...

Olá amigo,

Uma romance construído ao acaso.

Lindo!

Beijos.

MARILENE disse...

Todo amor nasce de um sonho. Nesse sonho, habita a ingenuidade, sempre linda, das aspirações infantis. São contos de fadas que não precisam, necessariamente, ser levados pelo vento. Bjs.

Rute disse...

Meu querido amigo, maravilhoso poema
Beijos

Pelos caminhos da vida. disse...

Aplausos poeta querido...

Boa noite!

beijooo.

SIMONE PRADO disse...

Migo, que talento é esse hein, Deus que abençoe...vc é demais mesmo. bjos.

rosa-branca disse...

Um poema doce como o mel terno como o teu sentir. Adorei. Beijos com carinho

Carla Fernanda disse...

LIndo e espero ainda poder também um dia ter a minha última lágrima de dor e iniciar um amnhã assim assim....
Amei!!!
Beijos!

ValeriaC disse...

Maravilhosooo o seu poema e este amor...beijinhos e feliz semana, amigo,
Valéria

Giovanna disse...

O início de um lindo romance... interpretado num belo poema..

Amei!

Abraços
Giovanna

Julliany kotona disse...

Muito inspirador,é nesses acasos da vida que agente se surpreende,ameeeei bjos de uma amiga e admiradora do seu talento!

Elisa T. Campos disse...

Uma flor bailando
Corpos se formaram em um
Foi assim o amor

Um lindo dia
bjs

 
Web Analytics