sábado, 21 de julho de 2012

A Menina da Janela
Tão pura e criança menina
Olhando pelo vidro
A vida passar
Lá fora a chuva
É água cristalina
Feito lágrimas dos olhos
Da menina a rolar
O mundo não para
Como não param seus sentimentos
E o seu coração dispara
A cada som da vida
E tudo gira em todos os momentos
Ao longe ela vê
Uma arvore sacudida pelo vento
Então imediatamente ela crê
Que do amor
Esse é o mais puro momento
Pessoas que passam apressadas
Num vicio loucura paixão
Enquanto as almas cansadas
Procuram afagos em emoção
E na noite ela sozinha
Na imensidão do quarto
Ali parada
Nua em carinhos e caricias
Querendo ser encontrada
A menina da janela não percebe
Que sob seu intenso olhar
A vida lhe passa inteira
E ela tem pressa de amar
Não entende o firmamento
Nem a lua calada
Nele pendurada
Mas eu sei que num dado momento
Essa menina será eternamente amada.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta

31 comentários:

Ivana disse...

Um dia encontramos o amor, ou ele nos encontra, lindos versos, um ótimo fds
bjs

Thomas Albuquerque disse...

"Por isso eu vou na casa dela, ai, ai
Falar do meu amor pra ela, vai
Tá me esperando na janela, ai, ai
Não sei se vou me segurar"

Não tive como não lembrar destes versinhos ao ler os seus...

e que a janela traga o amor tão sonhado.

bom fim de semana

Cristina disse...

Hermosas letras, hermosa imágen...muy expresiva.
Te deseo un hermoso fin de semana, abrazos miles.

MA FERREIRA disse...

Ola poeta...

Feliz dia do amigo.... bjs

MA FERREIRA disse...

Ola poeta...

Feliz dia do amigo.... bjs

MA FERREIRA disse...

Ola poeta...

Feliz dia do amigo.... bjs

MA FERREIRA disse...

Ola poeta...

Feliz dia do amigo.... bjs

MA FERREIRA disse...

Ola poeta...

Feliz dia do amigo.... bjs

LUZ disse...

Oi querido Everson,

Você pode ficar sossegado que a "minina" vai ser logo notada, basta olhar a saliência(rs).
estou falando da janela, que me parece saliente aos olhos de quem passa.

Poema bem estruturado, com musicalidade, doçura e espontaneidade, as de você, que todos já conhecemos.
Decerto que um dia, o amor chegará a todo o mundo e a menina não será exceção. Eterno? Ficará no segredo dos deuses, a resposta.

Bom final de semana.
Beijos da Luz.

✿ chica disse...

Tomara ela encontre o amor..abração praiano,chica

Daniel Costa disse...

Everson

Decerto que a menina, espreitando pela janela vislumbrará o amor, que o poeta preconiza em bela poesia.
Abraços fraternos de bom Sábado

You and Me disse...

Me sinto assim, essa menina as vezes, axo que todos nós em algum momento da vida nos sentimos. Feliz dia do amigo atrasado AMIGO!!! Minha net estava em manutenção ontem e não deu tempo de visitar todos os meus amigos queridos. Beijos e um lindo final de semana ^^

Bandys disse...

Ola meu super amigo,

Belo poema, essa menina da janela tem pressa de amar...ja passei por isso...

E quem não pode recomeçar? todos nos podemos,e a cada ano esses sentimentos são todos renovados!!!
É como nascer de novo, desapegar-se do velho e aprender o novo. São folhinhas novas...É um novo dia!

Chega de dica!
Ficarei feliz com a volta de Pyllys. Passarei por lá.

Beijos e um agradecimento hoje especial por tantos anos de amizade.
Valeu !!

(¯`v´¯)
`·.¸.·´
☻/
/▌~

Rita Freitas disse...

Gostei imenso deste poema, acho que todos temos um pouco da "menina da janela"emana

Beijinhos

Bandys disse...

É por isso que eu agradeço sua amizade!

Você pra ser perfeito só basta trocar o russo pelo O CARA! rsrsrss

Mas tarde eu trago um pedaço de bolo pra você.

como diria nossa amiga Obelix:

Graccias, Graccias!!
de ♥

Smareis disse...

Um dia o amor encontra quem o busca por ele, como a menina da janela.

Beijos poeta amigo!
ótimo dia!

Maria Rodrigues disse...

Meu amigo poeta que o amor consiga chegar ao coração de todas as meninas e de todos aqueles que o esperam e anseiam. Como sempre maravilhoso poema.
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria

Anne Lieri disse...

Nossa,que poesia mais linda,amigo!Adorei essa menina na janela!bjs,

Flor de Lótus disse...

Oi meu caro poeta!Assim como a menina da janela também ando com essa pressa de amar e claro de ser amada também.Beijossss

edumanes disse...

A menina à janela
Que tão bela ela está
Mostrando a mama dela
A quem na rua passará!

A pureza está com ela
Maldade ela não ter
A menina da janela
Muito linda ela ser!

Maravilhoso poema. Adorei,
bom fim de semana, sempre com muitas meninas à janela!
Um abraço
Eduardo.

Vera Lúcia disse...

Olá amigo poeta,

O amor sempre chega para aqueles que deixam o coração aberto para ele entrar.

Ótima tarde.

Beijo.

MARILENE disse...

Muitas vezes estamos assim, só a observar. Os pulos do coração, só nós ouvimos. Bjs.

Bandys disse...

Levei bolo pra ela, mas ela estava na caça dos tubs, rs!Nem sei do que se trata, deve ser pra pegar ladrões de sininho...

A noite tem mais.

Tim-tim

Ahh ela vai querer vinho, rs!

Amapola disse...

Boa noite, querido amigo Poeta.

Com certeza, o amor mostrará a sua força.

Muito bom estar aqui...

Beijos.

Eneida Freire disse...

É só chegar o momento certo, não é?! :)
Abraço!
http://tengacreencia.blogspot.com

Sherazade disse...

Oie meu amigo querido; saudade enorme de ler suas doces e encantadoras prosas poéticas! Assim amigo é a vida. Esse olhar distante, faz parte da idade, das indecisões...
Lindo demais!
Bom domingo! Beijos

Mariangela disse...

Que linda poesia Everson!
Com toda certeza esse amor vai chegar, há um tempo certo, uma hora certa para tudo, inclusive para o amor!
Um beijo com muitas flores e um ótimo domingo,
Mariangela

Assis Freitas disse...

para sempre no coração,


abraço

Mariz disse...

Um beijo mesmo atrasadinho, meu grande amigo.

poema lindo como só vc sabe conduzir!


um ótimo fds com muitas poesias!

Priscila Rodrigues disse...

O amor é para todos, e no momento certo surge a hora de viver... lindo e verdadeiro.

Bjs.

Elisa T. Campos disse...

Cheguei atrasada para te dizer Feliz dia do amigo.

De sua amiga que te admira.
bjs

 
Web Analytics