terça-feira, 31 de julho de 2012

Morte
No fim dos tempos
A dor irá passar
E se isso fizer sentido
Porque corremos pra chegar?
Viver sem alegrias
Felicidade ou prazer
Plantar flores num jardim
Estrelas no céu e não poder as colher
Nada é sereno
Nenhum sentimento é pleno
Ideias perdidas de egoísmo de um mundo bem pequeno
Morte
Venha com o teu encanto obscuro
Tua sedução infinita
Traga a clareza de tuas trevas
Espinhos de dor
Profundo sofrimento a quem só cultivou o amor
Sinceramente estou cansado de ti
Venha que eu não tenho medo
Pois no toque dos teus dedos
Haverá ao mundo, desvendados novos segredos,
Serei mártir da independência de uma alma que chora
Por tudo ser assim
Por tudo terminar assim
Por nunca encontrar com o sim
Nem sentindo o perfume sórdido do fim.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta

34 comentários:

Evanir disse...

Bom Dia Meu Filho Amado..
A mãezinha esta com saudades como também sou fã das madrugadas vim te deixar milhões de carinho.
Filho lindo poemas a mãezinha leu hoje estou com saudades e muitas saudades.
Deus abençoe seu dia beijos mãezinha,Evanir

Cecília Romeu disse...

Everson, querido amigo!
Já que o fim é inevitável, vamos tratar de ser felizes em tudo, inclusive no sentimento maior, o amor.

Beijos e ótima terça-feira!

Daniel Costa disse...

Everson

Que no muita sordidez sim, mar que havemos fazer? Vamos escrever, denunciando. Devemos dar o exemplo sem tibiesas, amando todo o universo e mais alguém
Abraços fraternos.

LUZ disse...

Bom dia querido Everson,

Poema tétrico, querido amigo!
Bom, isso é o seu "eu-lírico" falando.
A morte é triste e até Jesus Cristo a temeu.

VIVA A VIDA!

Beijos da Luz.

Sonhadora disse...

Meu querido Poeta

Uma verdade absoluta no teu poema...a vida é tão fugaz.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Ivana disse...

Everson
Eu a temo, não gosto nem de falar, mas ela é a única certeza que temos na vida, e como essa vida é passageira vamos vivê-la da melhor forma possível; amando, respeitando, sendo fraternos e amigos.

Fiquei muito feliz com sua visita, você é um amigo muito querido, uma pessoa linda, de alma pura. Obrigado, meu afeto, um abraço e um dia muito feliz, bjs

✿ chica disse...

Intensa e linda!!abração, já de volta, agradecendo a presença nos céus das férias,chica

Regina Rozenbaum disse...

Não consigo "comentar"...então, deixo uns tantos beijuuss de recomeço, poeta amado!

Anônimo disse...

nossa poeta, hj vc se superou!

Bandys disse...

Bom dia Everson meu amigo,

A morte só é o fim para uma vida sem vida!
Mas a própria morte tem um fim!!
O fim da morte é possibilitar a vida a alcançar a vida!
Vi várias vezes a morte,a maioria repentinas, daí cheguei a conclusão que o melhor é viver como se fosse o ultimo dia.
Então vamos nos permitir.....
VIDA!

Beijos, e não roubou o sininho da Pyllys não, ne?

Tais Martins disse...

Bom dia poeta!!
Esta profunda a poesia hoje em!
Mas linda
Bjoos
decorehouse

Mariangela disse...

A vida nos reserva muitas coisas... inclusive as tristezas e a felicidade.
As tristezas... nem o filho de Deus foi poupado!
A felicidade... buscá-la nas pequenas coisas, e ter a esperança
que o outro dia será sempre melhor!
Um grande abraço querido amigo,fé e um belo dia cheio de alegrias!
Mariangela

Cecilia Gonçalves disse...

Poeta de segundos posso sim lhe chamar, como flui poemas a todo momento que nos encantam amigo. Belíssimo como este.
Como a morte é infelizmente inevitável, aproveita-se a cada instante o amor, o intenso amor, pois somente ele levamos dessa Terra e nossa paz de espirito. Beijos e flores meu querido amigo.

Anne Lieri disse...

Everson,mais uma bela e reflexiva poesia!A morte vem para todos,então aproveitemos a vida!bjs e meu carinho,

Smareis disse...

A morte, quem não a teme, uma viagem que todos recusa a viajar, então que aproveitamos a vida enquanto a vida existe.
"Se quiseres poder suportar a vida, fica pronto para aceitar a morte."
(Sigmund Freud)

Beijos poeta amigo!
Ótimo dia!

ॐ Shirley ॐ disse...

Amigo, a morte é só uma passagem...Hoje, Éverson, quero que seu dia seja bastante alegre pra você passar a tarde brincando na clave de sol...Beijão!

edumanes disse...

Porque não podemos colher
Lá no céu as estrelas
Que possamos as flores ver
A crescer no jardim a olhar para elas!

Continuação de boa semana,
um abraço
Eduardo.

... "gigi"... disse...

Poeta...

A morte é alivio... É finalmente ter paz e poder voar...

Belo poema... Gostei...

Baci blu...

Tunin disse...

Sinto quando não posso vir aqui. Aqui encontro lindas páginas poéticas que preenchem.
A morte é inevitável por isso já precisamos preparar a nossa eternidade daqui.
Beleza, grande poeta!
Abração.

Kellen Bittencourt disse...

Oii amigo querido, retornei de viagem cheia de saudades dos amigos, muito bom conferir suas postagens e seus poemas novamente, adorei! Abraçooooss

deisinha disse...

A morte é o caminho de todos nós.Devemos aproveitar a cada dia a nossa vida!Adorei o texto e de como expressar a palavra "morte",na qual,todos tememos!Beijuss

Vera Lúcia disse...

Olá poeta,

O poema hoje está dramático.
Já nascemos caminhando para a morte, que é uma passagem inevitável. Amemos, pois, a vida, desfrutando as maravilhas que ela nos traz e amando muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito.

Beijo.

MARILENE disse...

Quando não se encontra o "sim", alimentar a dor não trará as alegrias que de outro amor poderão chegar. Bjs.

Eloah disse...

Querido poeta, tenho estado ausente e brigando com o tempo, mas sempre que posso venho aqui para me encantar.
Tenha dias felizes.Bjs no coração Eloah

OZNA-OZNA disse...

mil gracias querido y admirado poeta por concedernos el privilegio de ser testigos de la suprema belleza y sensibilidad de tus versos. Muchos besinos de esta amiga con todo mi cariño.

Palavras disse...

Olá meu caro,

que o perfume sórdido do fim, atraia novos e melhores amores...

Adorei ouvir Eduardo e Mônica aqui no seu blog... ai que saudade!!!

Beijos

Leila

Mariz disse...

Devemos aproveitar cada minuto da vida...viver...viver...viver!

bjos e ótima noite!

Rute disse...

A morte é certa para todos, infelizmente.
Beijos querido amigo

LORENA LEITTE disse...

a vida precisa ser vivida intensamente ,a morte é a única certeza que temos
beijos !!

Toninhobira disse...

Isto amigo, por isso devemos viver este intervalo com todas as alegrias e emoções.
Meu terno abraço de paz e luz.

Severa Cabral(escritora) disse...

Bom dia meu príncipe das letras !!!!
Por enquanto vamos preparar a estrada para a chegada da nossa partida ...reflexão rica vc nos deixou...
bjsssssssssssss

Elisa T. Campos disse...

Um adeus
Mas que deixou boas recordações.
Bjs.

Sonhos e Carinhos disse...

Dinho que linda poesia!
Ah eu vim buscar vc para festinha no meu blog, quem tá lá cmg é a Bandys hehehe

tem novo espaço: http://sonhosecarinhosdetimel3.zip.net
Tô esperando vc nem pense em dormir heim.. bjussss

Anônimo disse...

Hello theге, just beсаme awаre of
your blοg through Googlе, and found that іt's really informative. I am going to watch out for brussels. I will be grateful if you continue this in future. Numerous people will be benefited from your writing. Cheers!

Also visit my website :: payday loans

 
Web Analytics