domingo, 31 de maio de 2009

O Tempo
O tempo corre com o vento
Leva e traz meu sentimento
Passa rápido como chuva de verão
Deixa inquieto e louco meu coração,
O tempo traz a vida e traz a morte
Traz o azar e também a sorte
Traz e leva o amor e a paz
Coisas que não voltam jamais,
O tempo escorre como água entre os dedos
Entre mistérios e segredos
O tempo vai levando os medos,
O tempo é escasso
E por ele assustado eu passo
Procurando seu olhar
E o seu mais sincero abraço,
O tempo me aproximou de você
O tempo me afastou de você
O tempo domina meu intenso querer
O tempo é nossa única chance de viver,
O tempo é ansiedade
Luzes que se apagam na cidade
Vem com bondade e maldade
Nem sempre o tempo nos é lealdade,
O tempo é combustível e alma
É inflamável e acalma
O tempo que tenho pra não me perder
É o mesmo tempo que tenho pra encontrar você,
O tempo é momento e poesia
É sol que nasce na montanha
Mas também é chuva fria
É o tic-tac do relógio que não para de bater
O tempo é curto, e louca alegria de viver,
O tempo é a duração do beijo
É o êxtase que explode o desejo
O tempo é o ajuste final
É meu bem e meu mal,
O tempo não para afinal
É meu alô e meu tchau
É a chuva fina caindo
Na paisagem do quintal.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade

7 comentários:

Nanda Assis disse...

ai que lindo!!!!

amei.

bjosss...

Blue disse...

O tempo é implacável, meu caro poeta Everson!

O tempo passa,
o tempo voa.
Nós passamos,
ficam as lembranças boas!

Abraços.

paula barros disse...

E se pudessemos viver o que sentimos de bom. Viver o amor e o carinho. Demonstrar toda a ternura. Seríamos então aliados do tempo. Fazendo o tempo viver no nosso tempo.

Tudo seria mais lindo, mais palpável. A realidade seria o sonho tranformado. Seria o amor vivido e sentido.

beijos e abraços e um domingo maravilhoso.

Desnuda disse...

Gostei muito, amigo! O tempo ata e desata...

Beijos e lindo domingo.

Mary Help disse...

Uffa, que bom voltar em seu lindo site! Adorei o poema e a música é show! Sentí saudades dos velhos tempos e assistí esse filme dos Beatles, lindo D+ da conta. Bjux no coração, Mary Help!!!

Afrodite disse...

Lindo, lindo, lindo, este nem vou comentar, apenas apreciar...

Beijos!

Afrodite disse...

Lindo, lindo, lindo, este nem vou comentar, apenas apreciar...

Beijos!

 
Web Analytics