domingo, 8 de novembro de 2009

Não Quero Escrever
Hoje eu to triste
E não quero escrever
Não sei mais de mim
Muito menos de você
Teci um arco-íris bordado numa prece
Decifrei palavras de amor
Mas o futuro me envelhece
O horizonte se esqueceu
Que o mar é grande, mas tem fim
E eu perdendo o meu tempo
Tentando guardar você em mim
Deixo ultimas linhas
Tentando te esquecer
Hoje eu to triste
E não quero escrever.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade

32 comentários:

Nany C. disse...

Nossa Everson... senti uma dor por dentro...
Texto doído...

Parece que depois da lua cheia alguns corações estão melancólicos...
Nãos, Recusas...

Que esse nosso domingo seja mais intenso em paixões e desejos...
Que aflorem na alma os sonhos e que se possa sentir...

Beijos nesse coração que quero sempre feliz...
(mas uma coisa é certa... os melhores textos e poemas nascem do sofrimento...seja ele qual for)

Ta adoro!

Pelos caminhos da vida. disse...

Pessoas especiais

Só um coração aberto recebe AMOR
Só uma mente aberta recebe SABEDORIA
Só mãos abertas recebem presentes
E somente pessoas especiais...
recebem mensagens minhas!!!“

Você é muito especial!!!

Domingo de luz amigo.

beijooo.

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Bom Dia, Poeta dos Sonhos e dos Amores das Madrugadas!
Doído, porém sempre é Belo o sincero.
Para quem não queria escrever, o Poeta até escreveu e muito.
Pode até estar farto, mas ainda está vivo.
Voe, aventure-se!
Beijos para os nossos sonhos
Obrigada pela mais essa partilha
Até já,

Thomas Albuquerque disse...

Todo o poeta passa por isso.Isso é natural...
Mas nada se compara à experiência que se ganha ao refletirmos.

Não para não!!! rssrsr


Otimo domingo

Luciano Braz disse...

bom dia meu amigo, a canção é bela demais para ser encerrada pela metade.

Cheio de emoção o seu poema e como sempre despertando nossa atenção.

Como foi sua semana meu amigo ?

Super abraço para vc e canalize estes tantos sentimentos bonitos para que possam agir sempre a seu favor hein!

Abração e Otimo domingo pra ti

Teu amigo Luciano

Desnuda disse...

Eu queria escrever...mas meu pc encrencou 2x esta semana! Rsrsrs Ohhhhh vida!

Lindo seus versos. Aprecio muito o versejar do poeta.



Beijos e ótima moite, amigo!

Pluma Roja disse...

Wove um arco-íris bordado em uma oração" figura Preciosa. Poema de Nice.

Parabéns,

Amigo Por muito tempo, uma cordial saudação

Memória de Elefante disse...

É bem assim, mesmo não querendo o poema nasceu!


Beijo

Wanderley Elian Lima disse...

Meu amigo, tristeza, alegria, tudo passa. Amanhã é outro dia.
Tenha um lindo domingo.
Abração

wilson rezende disse...

Poeta Everson hoje é domingo, sei que a vida não é fácil mas tenha alegria e paz, um ótimo domingo para ti ai em BH.

wilson rezende disse...

Poeta Everson hoje é domingo, sei que a vida não é fácil mas tenha alegria e paz, um ótimo domingo para ti ai em BH.

louca esquizoffrenica disse...

Everson mesmo quando não te apetece escrever o teu texto flui como agua. Dias melhores virão coragem , beijo bom domingo.

Sandra Botelho disse...

Hoje estou triste mas essa dor vai passar...
Hoje estou triste, mas voltarei a caminhar,
Quem sabe um dia possa lhe reencontrar,
Ou ao menos sentir, que um dia quiz me amar!

Fica triste não...
Se precisar de um ombro...
Bjos no coração!
E um doce domingo!

Luciana P. disse...

Eita, que ser poeta é foda! Até quando escrevem versos tristes é bonito de se ver. adorei esses versos. São profundamente tocantes. a tristeza é bonita, poeta. Eu já te disse isso? Aliás, ela é mais bonita que a alegria. Sabe por quê? Porque a alegria é trivial, a gente fica com cara de pastel, sorrindo pra todo mundo, com rosquinhas e sorvete de chocolate nas mãos.
A tristeza sai de dentro, se intensifica, concretiza-se em algo denso, intenso, é algo quase visual. Aliás, se percebermos bem, a tristeza tem forma, cheiro, tamanho, depende do quanto ela dói, depende do quanto nos deixamos absorver por ela.
Adorei essa poesia, ela fala pra você, pra mim, pra qualquer pessoa que já se sentiu assim um dia, ou quem sabe, está se sentindo assim. E sobre o futuro que nos envelhece. É exatamente assim que ando me sentindo. Sentindo na pela cada dia que se vai, roubando-me a juventude.
Beijos, poeta, parabéns pelo trabalho de hoje. Esse está demais!

Anônimo disse...

Oi Everson, um bom domingo pra você! Que a alegria e o prazer de escrever volte, pois vc escreve com a alma e nos passa todo seu verdadeiro sentimento...afinal o ser humano tem altos e baixo e nada como o tempo para nos fazer entender muitas coisas e até agradecer por algo que nos fez sofrer....logo vem a bonanza!

Beijão querido!!!


Mariahna

Daniel disse...

Eversos

Há dias assim, não apetece nada, apetece mais em hibernar de forma apagada. Porém a quem apetece nada refresca-se, refugia-se a postar um belo poema para os olhos que passam se sentirem saciados.

Caro poeta fica o meu abraço de Domigo.
Daniel

Bandys disse...

Ah Everson,
Me lembrou Raul Seixas,
que rebeldia!!

Escreva sempre sabe porque?
Você tem essa responsabilidade..voce disse isso no meu blog.

Bom, mas se for só hoje, tudo bem.

Beijos e um começo de semana com paz no teu ♥.

HSLO disse...

Por que esta assim amigo?
Te desejo um ótimo domingo.


abraços

Hugo

Pena disse...

Fabuloso Poeta Amigo:
Há dias assim, onde o silêncio ganha forças e nos faz calar, até seres humanos admiráveis como VOCÊ!
Como compreendo...?
Que os instantes de assinalar uma extraordinária paz e ausência de ruído, seja por hoje uma forte benesse e o ajude na inspiração genial que faz de si um brilhante poeta em todos os dias do "amanhã".
Abraço forte de cordialidade e entendimento amigo.
Sempre a admirá-lo

pena

MUITO OBRIGADO pelas palavras expressas deixadas no meu blogue que gostei imenso.
Bem-Haja, fantástico amigo gigante do sentir as musas de sonho.

Luciana P. disse...

Não nem tente discordar do meu post de hoje. Não inventei nada, é tudo fato, não adianta argumentar, sei que as minhas argumentações procedem. Ou será que vai me duvidar?


E sobre o comment anterior, realmente tocou-me fundo essa poesia de hoje, e quando eu gosto, costumo parar um pouco pra pensar.

Beijos!

Blue disse...

Será esta tristeza, contagiosa?
Creio que sim!

Abraços. Sem crise, com certeza, serão mais 3 pontos na tabela. Pra vocês, infelizmente.

Felina Mulher disse...

Perfeito!!!...Eu não sei vc, mas eu só encontro inspiração nesses dias em que a tristeza me invade e dela me aproveito...Vc mesmo não querendo escrever encontroua a sutileza das palavras.....Lindo. Parabéns!

Beijos meus.

Felina Mulher disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lua disse...

A tristeza inspira as vezes né. Apesar de vc 'nao querer escrever' saiu isso ai que ficou otimo!

Uma semana maravilhosa e beijos.

Rosemildo Sales Furtado disse...

Oi Everson! Como sempre, muito bem inspirado, e eu, aqui, só degustando.

Tenha uma ótima semana com muita paz, saúde e felicidades.

Abraços,

Furtado.

paula barros disse...

E não querendo escrever, escreveu.
E não querendo escrever de amor, escreveu uma bela reflexão.

"mas o futuro me envelhece"

Gostei demais dessa frase, e fiquei vendo a carreira do futuro em nos pegar. A todo instante esse danado de futuro passa por nós, e vira passado, numa rapidez incrível.

Mas o passado se arrasta com a gente, muitas vezes não passa, e fica pendurado no nosso presente, e atrapalhando o futuro.

beijos amigo, boa semana.

Majoli disse...

Faço das palavras de sua poesia, minhas...posso?

Aqui a tristeza tá presente...

Beijos meu querido.
Saudades.

Fique com Deus, boa semana.

Elzenir disse...

Olá, amigo, até a tristeza pode ser reelaborada. Quando estou triste vou ao fundo do poço para ouvir minha tristeza, saber o q tem a me dizer para que eu me refaça sempre mais forte. Boa semana. Bjs

Nubia Santos disse...

Bjos para ajudar a curar a tristeza.

Fernanda - menina descalça disse...

Oi querido !!!

Os dias são como as cores...

dias intensos como o vermelho...
melancólicos como o cinza ...
solitários e crueis como o preto ...

Que sua semana seja linda e especial como vc !!!

Beijos

Andreia disse...

O poeta chora, sofre e se entristece. É nos momentos de mais dor, sofrimento e angústia que suas lágrimas desenham sob a folha branca, os mais lindos versos.
Sua tristeza transforma-se em poesia e faz do poeta mais humano e forte.
Amanhã as lágrimas já secas sob folha branca, sorrirão para ti e farão do teu dia, um dia mais feliz.
Não é toda hora que se faz uma lágrima sorrir!
Terno beijo em teu coração...

Mary Help disse...

Obrigada à vc, por sua Amizade!
Um bom dia, com uma semana repleta de muita alegria! Bjux no seu coração, com carinho da Mary Help!!!

 
Web Analytics