sexta-feira, 10 de julho de 2009

Na Minha Despedida
Na minha despedida
Antes de fechar a porta e partir
Deixo uma rosa em cima da sua mesa
Pra você lembrar sempre que foi o meu amor
A minha alegria e minha paz, a minha maior riqueza
Deixo também um beijo
Num envelope guardado
Pra te lembrar sempre
Dos momentos que estive ao seu lado
Deixo meu sorriso no espelho
Pra que jamais se esqueça do pôr-do-sol
De quando ficávamos olhando aquele céu avermelhado
Deixo numa caixinha escrita amor
Todos os meus sonhos e desejos
Que queria realizar ao seu lado
Todos os medos e caminhos de luz
De onde a paz me trouxe e me levará
Ao fim que essa rota me conduz
Deixo também um poema
Escrito a caneta num papel cor-de-rosa
Pra você se lembrar das noites de amor
Daquela harmonia gostosa
Na minha despedida
Eu te deixo meu coração inteiro
Pra que você saiba que o meu amor era verdadeiro
E que fui ao encontro do infinito
Rebuscando no grito aflito
Um corredor que me leve ao afago mais bonito
Deixo pra ti tudo que eu tinha de riqueza
Pois na verdade a minha nobreza
Resumia-se ao que por você eu sentia
Quando eu enfim partir
Levo você no meu peito
Por mais que eu tente não tem jeito
De te esquecer jamais
Em todas as ondas do mar
Nas nuvens do céu você se fez morar
Levo seus cabelos na memória
Seu corpo na historia
Seu perfume que me fez deitar
E novamente no amor acreditar
Quando eu me despedir
Guarde na retina o meu adeus
Pra lembrar-se dos carinhos
Que sempre foram seus.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade

21 comentários:

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Não gosto de despedidas, mais o poema é lindíssimo
Abraços

Nanda Assis disse...

adoro texros e poemas assim tristes porem cheios de amor.

bjosss...

Conceição Duarte disse...

Olá, você deve ser parente do Renato Russo, é a cara dele, e tem nas veias além do seu sangue, o lado artístico! obrigada por me visitar e me seguir, retribuo vindo aqui também, e sobre a poesia do primeiro post, é muito linda... triste, sofrida, mas linda!
Bom final de semana, bjks,

CON
ON
N

Blue disse...

Outro belo poema. Pena que seja de despedida. Deixando uma rosa, como lembrança de um grande amor. Poeta Everson, serve para mim também este poema, pois lembro dos cabelos dela e seu perfume até hoje no travesseiro está! Poemas de amor, lindos ao se ler, mas que nos fazem lembrar da amada e com isso a tristeza chega com muita força.

Uma boa sexta a ti, Poeta Mineiro!

Majoli disse...

Despedida, palavra triste, jamais quando se despede do grande amor de nossa vida. Sua poesia é tão bela, mas traz dor ao meu peito. Tenha um bom dia meu querido. Beijos na sua alma.

Pelos caminhos da vida. disse...

Despedida é muito triste,mas seu poema é lindo.

beijooo.

paula barros disse...

Numa despedida assim os dois levam muito um do outro, de alguma forma sempre estarão presentes na vida um do outro.


É unâmime a beleza e a tristeza do poema, mas são sentimentos que muitos conhecem.

beijos na alma.

DE VEZ EM QDO VENHO AQUI disse...

se há tanta beleza nesse poema é pq existe amor, amigao meu, nao fique triste nao, o sol precisa de vc, a lua tb, pq vc é um poeta do amor, sei q tem dias q nos sentimos péssimos mesmo, esquecidos, isolados, mas o mundo precisa q tomemos atitudes pois tem muitas pessoas q precisam de nós de nosso carinho, se esperamos mais do q ganhamos, vamos inverter a situação, vamos fazer mais e esperar menos, aprendi isso à duras penas, mas é a lei, devemos sempre fazer mais e esperar nada, para não sofrermos e não criarmos expectativas em relação à vida,à ng, pois a vida quer mesmo q aprendamos nessa escola aqui a sermos mais descomplicados, menos medrosos e q façamos o bem sem olhar a quem, pois no final dessa estrada, qdo estivermos meio tristes,desanimados, iremos receber muitas alegrias, e qm sabe, até um amor q nos valorize e pessoas amigas de verdade q se alegrem com nossa felicidade, assim como devemos fazer,nos alegrar com a felicidade alheia e preencher nosso vazio ajudando e aprendendo...eu aprendo cada dia mais com vc, com sergio, com colegas, com familia, com cada pancada q levo, com filha rebelde q me faz passar carão ...mas sei q tudo é fase e com amor, superamos tudo...com amor superamos até nossa tristeza por achar q nao temos um amor..as vezes ficamos tao presos a nós q nao percebemos um amor de verdade possa estar ao nosso lado,pense nisso,vc é especial, nao deixe o desanimo te pegar,pq eu fico mal tb!!!abçao de urso pra vc!!!!bj

BA BOCAGE disse...

Um abraço...
BaBocage...

Desnuda disse...

Desta forma poética é de uma beleza infinita! Um belo poema....Daqueles inesquecíveis, poeta!Lindo!


Um ótimo dia, querido amigo. Beijos com carinho

Cöllyßry disse...

As despedidas são sempre tristes, mas esta é uma delicia...

Doce beijo

nadja disse...

BUÁAAAA TRISTINHO ESSE POEMINHA AMADINHO..A PARTIDA É SEMPRE TRISTE....ADORO SEMPRE O ENCONTRO KKKKKKK
MAS SEMPRE TERÁ UMA PARTIDA Ñ É MESMO KKKKK
olhe que lindoooo
"Meu santo anjo da guarda, velai por mim, abri-me os olhos, dai-me prudência em meus caminhos pela existência. Livrai-me dos males físicos e morais, das doenças e dos vícios, das más companhias, dos perigos, e nos momentos de aflição, nas ocasiões perigosas, sede meu guia, meu protetor e minha guarda, contra tudo quanto me cause dano físico ou espiritual. " Ele vela por vc tbm, anjo... cuide-se!!! otimo fds b-jus

Conceição Duarte disse...

Everson, como vai?
Aqui, tudo bem, em paz...
Que bom que gosta da Legião Urbana, do Renato Russo, eu também curto alguma coisa dele, mas não tanto quanto você...
Acredito ser muito legal termos nossos ídolos.
Agradeço a você meu amigo novinho, (e espero que por muito tempo estejamos por aqui), por me responder tão prontamente e por visitar meu blog. O seu ainda farei um mergulho nele...
Desejo um final de semana, sóbrio, tranquilo, bom, em paz e com calcinhas lindas na sua vida, na sua imaginação, e que tudo aconteça da melhor maneira para esquecermos o tudo de ruim que nossos políticos nos proporcionam kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

beijos, CON

Circe Araújo disse...

Eu adorei seu blog. Gosto muito de poesias e poemas. Ma-ra-vi-lho-so.

bjs

Bandys disse...

...acho que estou ficando expert em musicas, rsssss

a sua "despedida" me lembrou:

São só dois lados
Da mesma viagem
O trem que chega
É o mesmo trem da partida
A hora do encontro
É também de despedida
A plataforma dessa estação
É a vida desse meu lugar
É a vida desse meu lugar
É a vida..

E o trem para as estrelas, esse não é pra todo mundo..rssss

Nenhuma despedida impede de amar de novo por isso AME.. mas seu coração tem que ouvir sua alma e assim partir pra outra.

Beijos e um fds de muita luz.

*Angel* disse...

È assim mesmo que a gente sente no momento da despedida. Mesmo que esta seja necessaria, o momento de adeus que é feito em segundos, torna-se numa eternidade de lembranças e de recordações. E o desejo de ficarmos carimbados na memoria da pessoa é muito mais forte que a palavra adeus...

Embora triste é um lindo poema! Eu gosto quando a tristeza se transforma em beleza... e isso tu conseguiste faze-lo muito bem...

Acho que ja deu para perceber o quanto eu gostei desse poema...

Amigo, deixo-te um grande beijo no teu coração.
Daqui a duas semanas...
Nayr

©tossan disse...

Muito triste mais importante poema para ler e reler sempre! Muito bonito! Abraço

Anônimo disse...

Boa noite filho querido ,,lindo seu poema mais como é triste a despedida seja ela de um amor ou até mesmo um adeus pra sempre.Eu sei anjo lindo sempre teremos encontro saudades e despedidas.Eu creio que até minha saida ou de nossos amigos blogueiros sempre sera uma despedida ,e como dói !! Deus abençõe seu sono e sonhos beijos da maizinha ,Evanir.
www.fonte-amor.zip.net

Fernanda disse...

Tudo aqui é muito intenso !!!
Belo trabalho !!!
Sucesso sempre !!!
Abraços.

Menina descalça

Beija-flor disse...

A gente grava na alma, no coração "Guarde na retina o meu adeus".
Fantástico.

Deusa Odoyá disse...

Olá amigo querido!
O seu adeus em forma poética me fez emocionar e chorar.
Um poema muito forte e sensível.
Nas despedidas, nossos corações sempre ficam machucados.
Não gosto de tristeza e nem de despedida.
Uma semana de muita paz, amor e luz.
beijinhos de ternura e fé.
Regina coeli.

 
Web Analytics