sábado, 5 de fevereiro de 2011

Cítara
Acaricio teu corpo
Procurando a perfeição
De um acorde de amor
Que embale teu coração
Entre cordas afinadas
Embalada em versos de amor
Nas baladas que tocam tua vida
Dedilhando somente
Pra aliviar tua dor
Entre riffes de desejos
Montando harmonia do infinito
Na plenitude do horizonte
Descobri o som mais bonito
Afinação de carinho
Num beijo cercado de paz
E bem no final do caminho
Meu sonho em teus braços
Aconchega-se e em amor se desfaz.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade
O Livro dos Dias Poesias
Pedidos no email: evr.russo@uol.com.br

46 comentários:

MEUS PENSAMENTOS disse...

poeta que encanta beijos!

Silene Neves disse...

Lindo poema Everson

Tenha um fim de semana lindo.

Beijo
Sil

Guará Matos disse...

Ravi Shankar o mestre da Cítara indiana deve estar exultante nesse momento.

Abraços.

Marilu disse...

Querido amigo, belo poema, e esse instrumento a cítara é maravilhoso. Tenha um lindo final de semana. Beijocas

Pena disse...

Fabuloso e Precioso Amigo Poeta:
"...Nas baladas que tocam tua vida
Dedilhando somente
Pra aliviar tua dor
Entre riffes de desejos
Montando harmonia do infinito
Na plenitude do horizonte
Descobri o som mais bonito
Afinação de carinho..."

VOCÊ é uma "preciosidade Humana" fantástica.
Tenho orgulho na sua amizade que me honra.
O que faz encanta. Delicia. Maravilha.
Um deslumbrante poema de deslumbrar. Mais um.
Parece composto de pureza majestosa. Notabilidade perfeita.
Bem-Haja, extraordinário amigo das musas.
O seu encanto poético não tem fim. É imenso. "Imenso", sabe?
Abraço cordial de respeito e uma amizade sincera perante o seu sentir sem iniquidade.
Com admiração sempre e constante.

pena

Bem-Haja, sublime poeta amigo.
Mais uma forte "explosão poética" que adorei.
Parabéns sinceros, de amigo sério para amigo valioso e extraordinário.
Bem-Haja, poeta.

d'Alma disse...

Amor é Amor e quando se procura a melhor forma no redondo de uma cítara, no desejo de a despir do seu silêncio, os beijos que se lhe conquistam são melodias perfeitas de uma relação cúmplice!... Do primeiro "toque" ao orgasmo, vai uma acariciar nas cordas tensas!


Bom fim de semana



Abraço

Luís Coelho disse...

Todos nós devemos aprender a dedilhar as cordas da vida e cantar a canção do amor.

A vida só tem sentido quando encontramos a harmonia perfeita.

Vivian disse...

Bom dia, Everson!!

Belíssimo teu poema!!O som da cítara é envolvente...sempre me sinto flutuando quando ouço...e seu poema teve o mesmo efeito!

Beijos!!
Ótimo sábado!!

Anônimo disse...

Querido filho..
Um lindo poema !!
Na plenitude do horizonte
Descobri o som mais bonito
Afinação de carinho
Num beijo cercado de paz
E bem no final do caminho
Meu sonho em teus braços
Aconchega-se e em amor se desfaz.
Linda meu anjo fico pensando como tem no fundo do seu coração todas as noites um poema diferente.
Eu só notei alguma diferença no seu poetar.
mais deve ser nuvens passageiras em breve se desfaz.
Um linda manhã .
Um beijo carinhoso da maizinha,Evanir.
http://www.aviagem1.blogspot.com/

Daniel Costa disse...

Everson

Um poeta munido duma cítara decerto que solta acordes a fazer da terra o Céu, quem ouvir exultará e decerto amará.
Abraços de bom fim de semana

lita duarte disse...

É bom sonhar, Everson.

Bjos.

Teresa Augusto Shanor disse...

Vindo matar a saudade desse paraíso de sonhos e sentimentos.

"Ah poeta, dorme nos braços do sonho mais doce envolvido pelo sabor de sentir a sua amada..."

Essa acabei de fazer para você.
Beijokas mil.

Anne Lieri disse...

Everson,a cítara tem mesmo um som mágico e um amor cantado assim,só pode ter magia tb!Lindo demais!Bjs,

Mario Neves disse...

Meu caro amigo Everson! Lendo esta preciosidade de versos, fiquei aqui a matutar (como bem diz o mineiro) porque será que Deus na sua sabedoria deu a anatomia da mulher a forma de um violão ou de inúmeros outros instrumentos de cordas? Eu mesmo pergunto e eu mesmo respondo: É para que o homem pudesse toca-la com carinho e amor, como um ser que é fonte de música, poesia e paz. O poeta aqui abraça a musa e a coloca no colo como se fosse uma viola ou violão e dedilha , arpeja e compõe divinos versos de amor, Se fosse violinista a colocaria no queixo com o mesmo carinho e inspiração e executaria lindas melodias a amada. Pena que tenham homens que não reconheçam o valor dos instrumentos, arranhem, quebrem as cordas e danifiquem, façam mal uso dessa riqueza pessoal que é a mulher.A musa do poema qual seria? Um violão, uma viola, uma citara, um violino? Eu pergunto e não posso responder: Isso só o poeta sabe e poderá dize-lo. Saudações Poéticas - Mario Neves.

Sandra Botelho disse...

Simplesmente tocante...
Bjos achocolatados

Sonia Pallone disse...

Everson,seu coração poeta enche o meu de admiração e carinho. Lindo carinho nas letras... Bjs.

Néia disse...

Bom dia Poeta...
Um sábado lindo e ensolarado aqui em Campinas, somente esta poesia para deixá-lo ainda mais belo.Como sempre e suas poeias são preciosidades...
Acordes, poesia e música uma trilha sonora perfeita para amar e se deixar levar pela melodia.
Beijos e um ótimo final de semana.

Zil Mar disse...

Oi Poeta...

Que linda sua poesia!!!!

Um arrebatamento de AMOR!


BJOS E ÓTIMO DIA DE SÁBADO!


Zil

Desnuda disse...

Querido amigo,

Poesia bonita demais!!!


Beijos com carinho

Memória de Elefante disse...

Um poema com melodia de uma bela canção!


Um fim de semana com música,flores e poesia!

Um beijo!

Aníssima Duarte* disse...

Vejo que sua cítara está afinada! Olha, música e poesia são vida! Vejo que a sua, está cruzada entre essas duas grandes formas de demostrá-la. Lindos versos, o infinito, o amor, a perfeição...Nossas buscas, encontramos algumas, afinamos em umas coisas, e lgo, estamos buscando outros sonhos. Dá injeva da cítara que te inspirou p/ tal poema. Ela tem mta sorte. Abração e visite-me em www.anaconfabulando.blogspot.com

Capitu disse...

Dedilhando assim suavemente, a dor se faz ausente ....
.
.

beijoos doce poeta ...

CARLA STOPA disse...

Bendita afinação...Grande abraço.

Mariz disse...

Lindo querido poeta...
Um sábado repleto de amor prá vc!

bjussss

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Hpa que se dedilhar com carinho e afinco,amigo. A melodia serão sussurros afinados... ou desafinados,né? Um abraço e belo sábado

Wanderley Elian Lima disse...

Olá meu amig
Um ótimo sábado para você, se o calor deixar.
Abração

Lívia Azzi disse...

Lindo, Everson!

Adoro quando você coloca música em suas declarações, quase ouço o som dos acordes...

Fico feliz que gostou do que escrevi ontem. É de fato o que sinto em muitas das suas poesias que leio: vejo-me dentro dos versos... O que faz com que elas fiquem mais belas e intensas, pois tocam minha alma e me apresentam um reflexo de cores, beleza e amor!


Beijos, amigo e poeta super querido!!

Livinha disse...

Num corpo de violão eis que acabaste de fazer uma linda canção em nome do amor...

Lindo meu amigo.

Otimo fim de semana pra ti

Bjs

Livinha

Lou Albergaria disse...

Que belo poema!

Lindo demais!

Tenha um maravilhoso fim de semana!

BEIJOS!!!!

Graça Pereira disse...

O amor ten acordes de uma guitarra e...sabe a fado!
Beijo
Graça

tossan® disse...

Mais um belíssimo poema, mas esperava um som de Cítara. Bom fim de semana!

Machado de Carlos disse...

Uma Cítara, cujos acordes demonstre a grande qualidade de um amor infinito!
Parabéns Poeta! Desejo-lhe também um feliz Sábado!

Aleatoriamente disse...

Uma poesia puramente bela...
Nos detalhes do poeta,ela se faz presente & brilho.
Delicada em sentimentos.

Um beijo Everson.
Fernanda.

Rute disse...

Que lindo poema, amigo. Amei...
Beijos,ótimo domingo a vc.

AC disse...

Sempre bem, Everson!
Um bom fds para si

Abraço

JB disse...

Diria que o teu poema é um dedilhar perfeito na forma, na melodia das palavras, no conteúdo...

Beijinho

Magia da Inês disse...

Poeta, como você dedilha bem os seus versos...
Bom fim de semana!
Beijinhos.
Minas°º♫♫
♫♫°º
•*•♫ ♫° ·.

Assis Freitas disse...

perfeita analogia,


abraço

Maria Soledade disse...

Poeta; Dessa Cítara bem afinada pelo diapasão em forma de coração, sentiu-se a força do poema, a beleza da canção...Isso é...Amor!!!

Beijinho

Dayse Sene disse...

Antes de comentar o post, quero lhe dizer, que já sinto muita falta de você lá em meu cantinho... sumiuuuu...tudo bem por ai?
Agora falando um pouco da sua poesia, que como todas as outras muito lindas.
Mas essa tem o som do amor...e esse dedilhar num corpo querendo ser amado, é bom depois...com certeza, a música que dele emite, é a mais linda de todas.
Nem posso sonhar muito aqui não, se não chego onde não devo...(risos) mas me encanta o som do amor...é maravilhoso.
"Na plenitude do horizonte
Descobri o som mais bonito
Afinação de carinho"
Finaliza aqui...
Uma noite linda...como som do amor ao seu ouvido, para um lindo despertar no dia seguinte.
Abraços e afagos, sempre.

Sonhadora disse...

Meu querido

Como sempre lindo...um fado português fala que o corpo da mulher é uma guitarra...mas nem todos a sabem dedilhar...mas o teu poema é amor.

Beijinhos com carinho
Sonhadora

AC disse...

O amor pode ser agitação, mas também serenidade...
Coisa linda, amigo!

Abraço

Suely - HD disse...

Olá meu querido!

Gosto muito dessa combinação.

Poesia x música

beijos
suely

Paula Barros disse...

Procurar tocar o outro com o que tem de mais bonito, dedilhando em amor.

Lindo! beijo

Lau Milesi disse...

Belo, poeta, como o som da cítara.

Um beijo de boa noite.

Pat. disse...

Intenso sentir.. quanto mais, mais queremos.

Adoro ler você!

 
Web Analytics