segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

O Que Um Dia Foi o Jardim do Amor
Sob o sol forte de um deserto
De corpo e alma do amor encoberto
Num olhar perdido em miragem
Da poesia que virou peso em bagagem
Ele sobreviveu por varias estações
Entendeu corações e desilusões
Enfrentou tempestades tórridas
Sementes semeadas em pura neve
Outonos que não foram breves
E por fim
Sempre da janela eu o avistava
Deslumbrante visão da natureza
A toda dor ele não se importava
Pois de renascer ele tinha a certeza
Sobrevoavam borboletas de sensibilidades infinitas
Soprava o vento leve do luar
No meio de madrugadas intensas
O jardim se formou em poesia de amar
Afagado por mãos que pareciam coração
Na doce presença o carinho
Trazendo sempre a mais bela recordação
Mas um belo dia o sol não apareceu
E o jardineiro não rabiscou seu amor
E hoje numa terra seca e árida
Sobrevive em seus últimos dias
O que um dia foi o jardim do amor
Alimento forte da alma a esperança
Que em lagrimas a chuva retorne em bonança
Pra quem sabe um dia ele voltar a viver
E num novo jardim de amor e paz florescer
Mesmo velho cansado e ferido
O lírio que embala o seu olhar
Tem na vertigem a vontade de sobreviver
E redescobrir o que é amar.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade
O Livro dos Dias Poesias
Pedidos no email: evr.russo@uol.com.br

52 comentários:

Nanda Assis disse...

ficouu lindo, imagem maravilhosa.

tem presente p vc no luz dos olhos.

bjos...

Carol Sakurá disse...

Olá,Poeta!

Estou de volta aos blogs e aos amigos!

Texto lindo e imagem alegre!

Borboletas para ti essa semana!

Beijo!

Paula Barros disse...

A imagem foge do seu estilo, mas tem muito a ver com o poema.


"Mesmo velho cansado e ferido
O lírio que embala o seu olhar
Tem na vertigem a vontade de sobreviver
E redescobrir o que é amar."

Achei linda está imagem que o poema sugere...como é difícil o redescobrir o amar, o se permitir sentir, e se dar.

beijo

Lou Alma disse...

"Pois de renascer ele tinha a certeza
Sobrevoavam borboletas de sensibilidades infinitas
Soprava o vento leve do luar
No meio de madrugadas intensas
O jardim se formou em poesia de amar"

que bonito meu amigo,
não sei já que palavras lhe dizer mais para classificar toda a belez que me transmites.

um beijo de boa semana.

Zil Mar disse...

Oi Poeta...

Toatalmente linda!!!!

"Que em lagrimas a chuva retorne em bonança
Pra quem sabe um dia ele voltar a viver"

Com toda certeza retornará!!!!

bjos e boa semana!!!

Zil

PS:tem presente pra vc no **páginas de lembranças** (http://paginasdelembrancas.blogspot.com/)

Mila Lopes disse...

Olá!
Um alinda poesia!
Este jardim há de florescer.
Passando para desejar uma ótima semana...
Bjs

Mila

Anônimo disse...

Que dizer amigo Everson.
Que dizer.
É lindo demais ler você
Você me faz sentir saudade
de alguma coisa que me escapa por entre os dedos
Sabe, quanto mais aperto para não perder, mais se vai?

Você é sensibilidade pura meu amigo

Abraço

Abstrata

Amor feito Poesia disse...

Humildade verdadeira resulta em tanto poder
da verdade e silêncio interno que você não
precisa dizer absolutamente nada com as palavras.

(Dadi Janki)


Feliz semana e beijos meus! M@ria

Ava disse...

E o jardim voltará a renascer, quando a primavera chegar, e as suas cores e os seus de novo o poeta encantará...

Belas palavras, belo poema Everson, uma semana cheia de odores florais e de cores vivas de um jardim.

Bjs.

Líricas Imagens disse...

"Sem atenção, à deriva..
Pelo mundo, sem casa,
Sem hora, sem instante...
Alguém mora por mim
E eu existo longe... "

Dú♥Karmona®

Feliz semana e beijos meus! M@ria

Pena disse...

Brilhante e Sensível Poeta Amiga:
"...Sempre da janela eu o avistava
Deslumbrante visão da natureza
A toda dor ele não se importava
Pois de renascer ele tinha a certeza
Sobrevoavam borboletas de sensibilidades infinitas
Soprava o vento leve do luar..."

VOCÊ maravilha e enternece com a sua pureza e encanto versejadas a ouro.
SUBLIME!
Adorei, como não podia adorar, é sublime e extraordinário.
Fabuloso e gigante do seu precioso sentir as suas musas de deslubrar.
Abraço amigo na sua Alma enorme.
Com respeito e elevada estima.
Sempre a admirá-lo

pena

Hoje, transcendeu-se de maravilha.
Bem-Haja, pelo sensacional sentir só seu. É precioso.
Adorei.

d'Alma disse...

Agradavelmente lindo, este seu Poema!... De uma suavidade ritmada pelo bater leve das asas de uma borboleta, pairando sobre o Poema!...
Há jardineiros com a importância que se lhes quiser dar, mas, mais importante, são os jardins, as flores que se querem livres e jardineiras de si mesmas!... Ou, entregando-se nas mãos da natureza, deixar que a natureza de suas cores e fragrâncias emprestem toda sua beleza e frescura, aos olhos de quem aprendeu a ver para lá do olhar!...



Boa semana




Abraço

Lau Milesi disse...

Bom Dia, poeta amigo!!! Lindíssimo, seu poema. Amei a imagem! Sinal de alegria, de boas noticias e Sol. Que o calor do Sol aqueça os corações de todos nesse planeta .

Um beijo e uma boa semana, poeta amigo.!!!

Ju Fuzetto disse...

Bom dia meu amigo.
Linda semana! se cuida bjo

Daniel Costa disse...

Everson

O que foi bonito jardim, nunca poderá ficar sempre ressequido, sendo postivo reaparecerá docemente florido.
Abraço fraterno

Wanderley Elian Lima disse...

Olá poeta
Tomara que o jardim do amor, renasça ainda mais florido, para enfeitar os corações.
Uma linda segunda pra você.
abração

Vivian disse...

Bom dia,Everson!!

Maravilhoso!!
E fica a esperança, já que ficou a "vontade de sobreviver e redescobrir o que é amar." Amei!
Desistir jamais!
Beijos amigo!!
Boa segundo!!

Natália Rocha disse...

Belissímo!

Amei*
Palavras doces!


Beijos,uma semana maravilhosa pra ti!

M. disse...

Bom começar uma semana lendo-te:)

..."re"... disse...

Poeta...

Se cuidarmos bem do nosso jardim, com carinho e amor será como um vale encantado para florescer cheio de flores bonitas.

Será como uma vida que renasce das cinzas e vai-se florindo na felicidade e esvaziando de tristeza.

Como um amor que renasce , uma vida que floresce, um alegria que chega uma amizade que se fortalece.

Un bacio e buona settimana...

R. R. Barcellos disse...

- Bela imagem, bela alegoria, belas metáforas... bela poesia.
- Abraços.

Desnuda disse...

Bom dia querido amigo!


Você é um poeta-jardineiro do amor.


Carinhoso beijo e linda semana!

Assis Freitas disse...

jardins também tem suas estações,

abraço

lita duarte disse...

Everson Russo! Que lindooooo!!:):)

Beijos.

Annie disse...

Se existe algo que nos faria recobrar as forças..lutar, foi dito aqui, meu caro poeta..

"Sobreviver e amar.."


beijoos, um dia bem agradável pra vc.

Carlos Augusto Matos disse...

A foto é diferente do que vc costuma postar... Um jardim sempre pode ser replantado... ok?

Abração..

Marcia Morais disse...

lindo,lindo lindo rs !

Guará Matos disse...

Uma excelente semana para ti, amigo poeta.

Abraços.

Blue disse...

Olá Poeta Mineiro.

Boa semana de muitos poemas.

Abraços

Amapola disse...

Boa tarde, querido amigo poeta.

Lindo poema... Esse é mais um, no seu lindo jardim de poesias.

Beijos no coração.

R.B.Côvo disse...

Redescobrir o amor é preciso! Lindo texto. Abraço.

εïз εïз Doce Essencia εïз εïз disse...

Amigo Poeta,

O que dizer ?

Sou suspeita...rs
Borboletas,Jardins,Sonhos,Desejos...todos sao complementos para tornar os dias/noites ainda mais envolventes...
Saudades imensa de ti.
E deste teu Livro que so me encanta.

Doces Beijos

Doce Essencia

Julliany kotona disse...

A amizade nasce de um sorriso sincero,
Cresce aos poucos,
E quando estimada fica impossível de não tê-la mais.
A amizade é tão forte como o brilho do sol,
Tão grande como a lua,
Tão admirada como a paisagem mais bela.
A amizade cobiça fielmente a sinceridade,
Alimenta a cumplicidade e devora a alegria.
A amizade é algo indecifrável,
Como uma língua sem tradução.
Amizade é presente dos céus
E a compreensão dos sonhos.
Ser amigo é ter prestígio
Ter conceito de companheirismo,
Benevolência perfeita.
A amizade é dotada de compreensão,
Completa de fiel felicidade.
Um grande beijo daa juju e uma semana cheia de conquistas. sua amizade é muito importante para mim.

Bandys disse...

E redescobrir o que é amar.


Estou sempre redescobrindo o que amar!!
Lindo poema.

Claro que voce se inspira no Cazuza.
Mas sei das suas preferencias afinal não é de hoje que te conheço.
Hahahaahhaah. Voce não era nem famoso.
Não esqueci do livro não, to é sem falta de tempo messsmo.
Me aguarde.

Baccios, e uma semana de muitas flores no seu jardim.

CAIXA DE FATOS disse...

Que bonito, poeta!

Um beijo.

Dadi Silveira

..."re"... disse...

Não publica este.

Mas gostei do comentario de quem assina por Abstrata.

Quem é? Tu sabes?

Um pouco desolador não achas?

Secreta disse...

O amor pode sempre renascer, sem dúvida.

Anônimo disse...

Querido filho..
MEu Domingo não foi mito legal
de probemas no meu pc no final da tarde desabado
Ao entrar em contato com a Telefonica disseram que era conecção para minha surpresa veio o tecnico era a plac de rede.
E sua maizinha ficou sem pc sendo que tenho um note para horas amargas.
Filho sua postagem tanto de hontem como a de hoje consternou meu coração esto sm palavras e carihosamente gostaria de recebe-la no meu email vou posta-la caso me autoreze.Uma linda tarde beijos carinhos da maizinha.Evanir.
http://aviagem1.blogspot.com
www.fonte-amor.zip.net

Sonia Pallone disse...

Associo teu blog a um bom vinho! Sempre que posso, venho beber palavras e me embriagar com elas.. Beijos meu lindo.

CARLA STOPA disse...

Começar a semana aqui é bom...Boa semana pra vc também, meu abraço.

Adolfo Payés disse...

Cuando la poesía esta en las venas se sienten.. bello poema.

Deja un sentimiento tan hermoso leerte siempre..

Siempre tan genial tu trabajo-
Bravo.



Un abrazo
Saludos fraternos..
Que tengas una buena semana.

Vinicius.C disse...

Olá Poeta!!

Passando para desejar um exelente inicio de semana!

Forte abraço nos encontranos no Alma.

Néia disse...

Oi Poeta...
A vontade de sobreviver é o ponto inicial da vida.Às vezes achamos que tudo está morto, mas não, está apenas adormecido em virtude do forte inverno. Mas é sabido que ao chegar o verão, bons ventos, cores vibrantes, amores constantes renascem como flores.
Lindo texto, embora um pouco triste, mas sei que a tristeza também é combústivel para belos poetas como você.
Beijos e flores

Sonhadora disse...

Meu querido

Que o teu amor,seja a rosa do teu jardim, adorei como sempre.

Beijinho com carinho
Sonhadora

łuc¡คหค disse...

Oi Everson

Tudo bem contigo?

Lindo teu texto...
Saudades amigo.

Bjs e boa semana

Rosemildo Sales Furtado disse...

Oi Everson! Passando para te desejar uma semana com muita paz e muito amor. Belo poema, principalmente o trecho abaixo:

E hoje numa terra seca e árida
Sobrevive em seus últimos dias
O que um dia foi o jardim do amor
Alimento forte da alma a esperança
Que em lagrimas a chuva retorne em bonança

Abraços,

Furtado.

Lívia Azzi disse...

Uau, Everson!!

Que história mais poética!!!

Sempre haverá um novo jardim de amor em que florescerá
novos lírios no olhar
com a vontade de redescobrir o que é amar.

Ps. Lírio é minha flor predileta!


Beijos e carinhos!!

Rute disse...

Querido que lindo texto,
que a sua semana, seja colorida como as borboletas.
Ótima terça-feira a vc.
Bjs

*Mi§§ §impatia* disse...

Ah amigo tb quero um dia redescobrir o amor.....será que consigo?rs
Beijos.

Machado de Carlos disse...

O Importante é amar sempre.
Desculpe-me. Cheguei meio atrasado. Mas a semana ainda continua, não é mesmo?
Grande Abraço!

IT disse...

Um Jardim onde só a poesia
borboleta dentro de mim!

Leio tudo meu poeta lindo.Ainda que não assídua,sinto saudades e desejo de estar junto de ti, aqui no livro dos dias dois.Doces beijos!♥

Suely - HD disse...

Olá meu querido!!

O amor é tudo em nossa vida.

Gostei de mais deste poema.

beijos
Suely

 
Web Analytics