quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

A Menina e a Borboleta Azul
Um dia amanheceu
Em seu puro coração
O amor aconteceu
Loucura de estação
Correu por seu jardim
Chorou sem saber da dor
Que tudo que começa
Um dia tem fim
Desse louco sentimento amor
Seus olhos entre o verde e o mel
Só entendiam como chorar
Aquele brilho intenso de primavera
Ficou escondido na distancia do horizonte
Bem longe na imensidão do mar
Linha tênue de paz
Seu sorriso de infinita beleza
Enfim descobriu a desilusão
E as cores opacas da tristeza
E no seu canto de encanto
Eu entôo um canto de sereno
Na poesia da desistência do amor
No beijo que carrega o veneno
Joguei uma folha no chão
Da árvore que tinha o nosso coração
Ela correu como isca ao fim
Na direção da pureza do amor
Novamente, ali deitada em nosso jardim
Até que pousou em seu peito
Borboleta azul lhe trazendo um sim
Na cor de suas asas a liberdade
No seu rosto incrédulo um semblante ainda sério
Como ainda enfrentar novo amor
Ou como desvendar esse novo mistério
Então resolveu a borboleta sonhar
Entre a sua cidade perdida
E ilhas que dançam tranqüilas na harmonia do mar
E vai resgatando pouco a pouco
A confiança e o amor que a vida lhe tirou
E em cada verso construído no desejo
Vai entender a menina que é a borboleta azul
Que outro alguém também nesse mundo lhe amou.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade
O Livro dos Dias Poesias
Pedidos no email: evr.russo@uol.com.br

43 comentários:

SAM disse...

Boa noite querido Poeta!


O poema é muito bonito e sensível, Everson. Lindos versos, amigo.

Carinhoso beijo e ótima noite.

♫ ♪ Wilson ♫ ♪ disse...

Tenha um excelente dia, amigo.

Seus poemas são todos maravilhosos.

Fica com Deus.


Abraços

Carissinha disse...

Que poesia maravilhosa!
De um sensibilidade tocante.

Parabéns, Everson!

d'Alma disse...

Interessante!... Tema com candidatura à profundidade e uma certa reflexão de ternura e alguma sensualidade, todavia, dá uma “poética” impressão de que a Alma do Poeta não encontrava a saída certa para um final condizente!.. Longo, arriscando, por isso, a perfeição do encadeamento e da cadência que... vai cansando por cada vez que o final, nem se adivinha, nem acontece, sem que deixe de ser previsível!... Não deixando de ser interessante, a espaços, e loooooongamente inconsequente no objectivo, que quase se perde entre o “pequeno-almoço” e a “ceia” antes de deitar, depois de uma digestão bem feita; que é como quem diz, quando se chega ao fim, ninguém lembra o início, pelo que a finalidade quase se perde, pouco depois do princípio proposto!... A falta de pontuação, embora ensaie uma escrita “moderna”, faz notar-se pela sua falta flagrante!... A pontuação é como a educação que se oferece à leitura, uma ajuda à sensibilidade, um apelo ao sentimento e emoção, emprestando, por isso, uma preciosa ajuda ao leitor. E ao Poema!...
Talvez não prejudique sua veia Poética, caro Everson, em vez de “postar” um Poema todos os sagrados dias, dar um espaço de tempo maior, para que reflicta sobre a qualidade da sua Poesia, que, em você mesmo revela um enorme potencial!... Mau grado, toda a inspiração e sensibilidade notável, Os Poemas começam a confundir-se como se duma amálgama, que devia ter-se como Poética, de palavras e frases feitas se tratasse!... Como se a Poesia funcionasse em “piloto automático”!... No caso do Everson Russo, pelo que tenho constatado em sua escrita, essa necessidade não tem de o ser!... E é pena!...
Porque não basta partir e chegar… todos os caminhos são diferentes!... Imagine os Poéticos!... Como a música!...





Abraço

Pena disse...

Prodigioso Amiga Poeta:
Escreve sempre de forma admirável e fantástica o seu sentir as suas musas de sonho.
Os seus intermináveis poemas fascinam e maravilham.
É cada vez mais perfeito e sublime nas suas "explosões" extraordinárias de poesia de enaltecimento e adoração para com as suas musas.
Fantástico. Mias um gigantesco poema feito com imenso talento.
Abraço amigo à honra da sua amizade que preservararei para sempre.
Com respeito.
Sempre a admirar o que concebe de forma fabulosa e pura.

pena

Bem-Haja, notável Amigo.

Guará Matos disse...

Creio que o amor é mais alegria do que tristeza.

Abraços.

.l disse...

vai resgatando pouco a pouco
A confiança e o amor que a vida lhe tirou


não é fácil...

Capitu disse...

Para tudo há renascimento.

beijoos doce poeta, um dia de encantos.

Mariz disse...

Bom dia meu querido poeta,

A menina se deixou levar pelo encanto da borboleta e vai voltar a sonhar...lindo!

mil beijos e um dia cheinho de amor prá vc!

Blue disse...

Borboleta que simboliza a espera,
de um novo e constante crescer.

Abraços. Hoje é minha vez. Aguardem... o mundo é AZUL, assim já disse o russo, não o teu ídolo, mas o Gagarim!

Tiago Furtado disse...

Bom texto sim senhor, gostei :)

Abraço de bom dia*

Vivian disse...

Bom dia,Everson!!

Amar também é recomeçar,o amor está em tudo...
Lindo!
Beijos.

Fátima Guerra (Mellíss) disse...

Everson

Há tempos mais difíceis do que os outros. Entretanto, eu vim lhe dizer que: vc mora no meu carinho e vive nos meus pensamentos.
Minha saudade veio visitar vc.
Beijo,

Fátima Guerra.

Pluma Roja disse...

Buenos días Poeta, vengo a la cita con la lectura de tu poema. Una bella historia en dónde está en juego la ingenuidad y la confianza perdida. Con ese magnífico cierre cuando la mariposa recupera la confianza perdida. Me gustaría hablar portugués, en tu idioma debe ser mejor su lectura.

Muchos besos.

Hasta pronto.

Malu disse...

Poeta querido,


Que o Amor possa sempre nos trazer mais sorrisos que lágrimas ...


Bjo e um Dia Feliz !

Natália Rocha disse...

Versos maravilhosos!
A sensibilidade aflora nesse recanto poético.

Lindo!


Beijos,um ótimo dia pra você!

Wanderley Elian Lima disse...

Olá poeta
A vida é assim mesmo, vai um amor, vem outro. O que não podemos e deixar de amar.
A falta de chuva já está enchendo o saco.
Grande abraço

karen disse...

ola..me tocou muito hj!!
abraços

Assis Freitas disse...

meninas e borboletas se aboletam em fantasias


abraço

Secreta disse...

Quando menos esperamos , aparece algo que nos devolve os sonhos e a esperança.
:)

Julliany kotona disse...

Que poema perfeito chego a me emocionar,com tais palavras de puro sentimento misturado com sabedoria,parabéns suas poesias são´perfeitas e trás a quem lê uma enorme satisfação bjs.

Daniel Costa disse...

Everson

Será da aragem da bonira imegem que o ilustra, o nível do poema, refiro-me ao escrito. Nem vacilo: classico de cinco estrelas.
Abraço fraterno

NADJINHA disse...

Bom dia amiguinho poeta..nossa hoje vai dar borboletas no jogo de bicho kkkkkk..pois sonhei com borboletas..vi borboletinhas no meu jardim ..e chego aqui um lindo poema de borboletas ..amei viu ..fique com os anjinhos..e feliz quintinha.. beijus amiguinho.. te dolu fuiiiii

R.B.Côvo disse...

Lindos versos. E linda borboleta! Abraço.

Anônimo disse...

Querido filho..
Um lindo poema de sonhar de olhos abertos e acordada ..
Lindo filho só que para entender tem que ter alma de poeta .
Eu não sou poetisa mais tenho um trabalho daqueles escolher poesias e textos para os blogs..
Amado ñ sei porque algo me deixou nervosa aqui hoje rsrs.
Filho..
vai no blog A Viagem e ve minha arte por lá.
http://aviagem1.blogspot.com/
beijos uma linda tarde maizinha ,Evanir.
Eu me orgulho do meu filho poeta ..Te Amo..Te Amo..

Sandra disse...

Linda borboleta!!!
Bom dia para ti, meu amigo

..."re"... disse...

Olha, pelo que entendi a pessoa acha que tu deveria dar espaços de dias para postar, e que quem te lê não consegue fazer uma reflexão sobre as poesias, no caso ele.

Sei lá, penso ser isto, eu acho que teus leitores não pensam nisto, para eles o que importa é o poema do dia, leem e comentam.

Siceramente não sei explicar-te o que esta pessoa quer dizer-te.
Deixa prá lá. Foste educado, não te ofendeu em nada. É apenas uma opinião dele, assim como ele diz por ele mesmo.

Por acaso alguém mais reclamaste?

Não vai publicar isto viu. Nem sei se entendi direito o pensamento dele.
Desculpe-me se não ajudo muito.
Baci...

E.R. disse...

Que lindas palavras,
meu amigo Everson,
fiz-me borboleta ao ler-te!
Que vontade de voar, deixar a
brisa levar-me para o desconhecido, misterioso mundo, onde eu possa encontrar os sonhos de novo...!



Beijos, com carinho. *.*

Bandys disse...

A vida dá, a vida tira e Deus repõe.

Muito bonita!

Um beijo e um final de tarde daqui do Rio tah?

Amapola disse...

Boa tarde, querido amigo poeta.

Lindo como sempre. Você navega na alma feminina.

Beijos no coração.
Tenha uma linda noite cheia de amor e paz.

Rosemildo Sales Furtado disse...

Oi Everson! Passando para informar que já está tudo em ordem com a Net, trocamos a velocidade para 1Mega.

Belo poema adorei, principalmente o trecho abaixo:

Na direção da pureza do amor
Novamente, ali deitada em nosso jardim
Até que pousou em seu peito
Borboleta azul lhe trazendo um sim

Abraços,

Furtado.

Rosane Marega disse...

O importante é amar sempre!
Beijosssssss

Machado de Carlos disse...

Amigo Everson,

É uma delícia ler você. Vejo em cada oração construída um grande verso. Verso que fala de Amor. Um amor sempre infinito. Sem fim.
Escreva sempre meu amigo!
Fique com Deus. E uma boa noite para você!

Lívia Azzi disse...

Que borboleta mais linda, azul é a que mais me encanta! O dia que ela entender, vai bater asas e voar num lugar onírico.

Beijos e carinhos!!

Néia disse...

Oi Poeta...
Assim como a borboleta, que a menina possa viver suas transformações, possa ser livre e voar rumo ao infinito...
Beijos e hoje de tristeza.

Ira disse...

Oi, meu amigo!Seus poemas cada vez mais lindos, você entende a alma feminina.Tenha uma ótima noite!Bjs!

Sandra Botelho disse...

Se for pra ser dor, certamente não é amor, não um amor que vale a pena.
Bjos achocolatados

sonho disse...

Meu querido a vida é um constante vai vem...tal como a borboleta anda de flor em flor...
Beijo d'anjo

Flor da Vida disse...

Como sempre, seus versos são lindos e contagiantes! Aplausos!!!
Amigo, linda e abençoada noite pra ti.
Carinhos... Bjsss

Professora Carla Fernanda disse...

Boa noite!!
Lindo, lindo e muuuuito lindo demaiiisss!!
Carla Fernanda

Lau Milesi disse...

Lindíssimo, poeta amigo!!!
De extrema sensibilidade, como sempre.Encantador!!!!
PARABÉNS!!! Muitos!
Um beijo, poeta amigo, e uma linda sexta-feira!

..."re"... disse...

Poeta, triste boa noite porque? O que aconteceu? Não me deixe no escuro não! Diz, o que foi agora!

Responde la no meu canto!

Zil Mar disse...

Linda demais sua poesia,querido Poeta!

Que a borboleta azul lhe traga alegria,sorrisos,amor!!!!!

bjo!


Zil

 
Web Analytics