segunda-feira, 23 de abril de 2012

Perto de Onde?
Pássaro na gaiola
Sentimento contido
O amor pede esmola
Queria correr perigo
Preso no momento
Sem poder voar
E descobrir que o infinito
É o limite dos sonhos
A se libertar.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

46 comentários:

Karla Dias disse...

Esse amor contido é o que nos inspira a escrever....
Beijos

Livinha disse...

Tens o poder em tuas asas,
oh alma, tu se enganas,
podes voar a qualquer lugar
ou até mesmo ficar em tua cama...
Os sonhos não tem limites,
nem podes limitar-te a ele,
voa alma, se atira aos ares
e mata a tua sede...

Meu querido amigo,
uma linda semana pra ti
com muito voos, não rasos, os mais
altos ao alcance de tua liberdade...

Bjinhus

Livinha

Marilu disse...

Querido amigo, passarinho na gaiola é igual amor que não pode voar, temos que deixá-lo livre. Lindo poema. Beijocas

Pedro Luis López Pérez disse...

Como tu bien dices, Everson, el amor quiere descubrir el infinito, el límite de los sueños, buscar la libertad y dejar esa jaula que lo aprisiona, para siempre. Quiere correr peligro y arriesgarse; por que quien no se arriesga nunca verá la belleza de los sueños cumplidos.
Preciosa Poesía, Everson.
Un abrazo.

LUZ disse...

Bom dia querido Everson,

Impedir alguém de amar, é pior que estar preso.
O amor liberta, tal como o infinito.

Boa semana.
Beijos de luz.

Flor de Jasmim disse...

Intenso esse amor.
O infinito é o limite de tudo.
Adorei a música.
Boa semana meu grande amigo.

Beijinho e uma flor

✿ chica disse...

Sempre lindo !!abração,ótima semana!chica

Rô... disse...

oi meu amigo,

o amor não pode ser preso,
tem que ter grandes asas
para ser livre e voar...

beijinhos

Guma Kimbanda disse...

Olá Everson,

A única e a verdadeira liberdade é a do pensamento e onde os sonhos nos levam. A surpresa boa é quando a o pensamento toma conta da consciência e os sonhos se realizam. Os limites são unicamente os que a nós próprios impomos. Voa amigo pensador...

Kandandos... Inté!

Vivian disse...

Bom dia,Everson!!!

Belo poema, meu amigo!
O infinito é sim, o limite dos sonhos! Beijos!
Boa semana!

Amapola disse...

Bom dia, querido amigo Poeta.

Até para sonhar é preciso que nos libertemos.
Lindo!!

Adorei sua escolha da imagem. Criativa demais!!

Que sua segunda-feira seja de amor e paz.

Beijos.

Mar... disse...

É a alma querendo voar...
A liberdade nem sempre é algo fácil de conseguir...mas sempre será valorizada...

Um dia maravilhoso para ti meu Renato Russo...uma semana linda para ti...
bjs carinhosos...

Mariangela disse...

Nunca prendas teu amor numa gaiola, deixe-o livre para voar e ganhar alturas.
Que hoje seja para você um dia muito feliz!
Beijos
Mariangela

David C. disse...

Feliz inicio de semana.
Saludos
David

David C. disse...

Feliz inicio de semana.
Saludos
David

Vanuza Pantaleão disse...

Corramos o perigo de sermos livres e felizes, sem gaiolas, sem correntes a prender os nossos pés. Hoje é dia de São Jorge, Everson, e eu creio no poder libertador desse Homem-Santo.

Grandes vôos pra você, amigo do coração!!!

*Verinha* disse...

Encantamento e doçura sempre presente em seus versos!.. Lindo.. lindo Everson!!
Beijão grande em seu coração..
Verinha

Assis Freitas disse...

para sonhar basta um horizonte,


abraço

Ivana disse...

Olá Everson
Que graça a imagem que você escolheu!
Que possamos nos libertar de tudo que não nos faz bem, e voar em busca dos nossos sonhos!
Bjs

SOL da Esteva disse...

Everson, meu Amigo

Amor prisioneiro é Amor a definhar; Amor em liberdade, é Amor em crescimento.

Abraços

SOL
http://acordarsonhando.blogspot.pt/

Guará Matos disse...

Liberar os sentimento, é preciso.
Abraços.

Daniel Costa disse...

Everson

tal como o amor, o pássaro na gaiola luta para se libertar.
Abraços fratennos

Mariz disse...

Querido amigo, o amor preso pede prá voar e ao limite dos sonhos a felicidade encontrar.

beijos de boa tarde prá ti!

marlene disse...

lindo seu poema everson
todo tipo de prisão se torna triste mesmo que seja uma prisão sem grades e que nos sufoca nos irando a liberdade até de pensar de sonhar
um dia lindo para voce sonha poeta e curti a liberdade presente maior da vida bjs marlene

marlene disse...

lindo seu poema everson
todo tipo de prisão se torna triste mesmo que seja uma prisão sem grades e que nos sufoca nos irando a liberdade até de pensar de sonhar
um dia lindo para voce sonha poeta e curti a liberdade presente maior da vida bjs marlene

marlene disse...

lindo seu poema everson
todo tipo de prisão se torna triste mesmo que seja uma prisão sem grades e que nos sufoca nos irando a liberdade até de pensar de sonhar
um dia lindo para voce sonha poeta e curti a liberdade presente maior da vida bjs marlene

edumanes disse...

Passarinho na gaiola
Porque te privaram da liberdade
Terá sido algum gabarola
Que apenas tem vaidade!

Aí preso não podes voar
Triste vais viver
Tens direito a refilar
Não queiras engaiolado morrer!

Um abraço
Eduardo.

Anne Lieri disse...

Ai Everson,agora arrasou!Muito linda poesia desse passaro aprisionado, sem poder voar!Emocionante poesia!bjs e boa semana!

... "re" ... disse...

Poeta...

Não te prenda... Abra a gaiola do isolamente e liberte os sentimentos.

Deixe sempre tua alma de poeta fluir e voar bem alto, alivie tuas penas em lápis e papel...

Baci blu...

Tais ♥ disse...

Boa tarde para vc amigo
Bjoos
decorehouse

Smareis disse...

O Amor aprisionado é muito cruel.
Beijos amigo poeta.
Ótima semana!

ZilMar disse...

oi Poeta...

lindo demais seu escrito!!!!

tem só um detalhe:"Queria correr perigo"

é...não siginifica quero correr...e nem que quer sair da gaiola...rsrsrsr

grande bjo!


Zil

MARILENE disse...

O amor não nasceu para ser aprisionado. Não pode existir, tão somente, nos sonhos.

Bjs.

Rute disse...

Jamais o amor deve ser preso!
Beijos, meu querido amigo, uma ótima noite

Janaína Pupo disse...

Estou precisando me libertar...
Beijos, meu amigo.

... "re" ... disse...

Aff! Escrevi errado, era pra ser isolamento nao isolamente rs Q chato! Desculpe... Publica n hem! BESO

Parole disse...

A liberdade é nossa condição primordial.Não há amor, não há vida digna se nos sentimos impossibilitados de sermos nós mesmos.

Beijos, querido.

Ps: Uma delícia ouvir Renato Russo cantando músicas italianas.

Carla Fernanda disse...

Amor preso... ileso!

Beijos e boa semana!!

Casa de Anita disse...

A liberdade é um bem que sempre almejamos, mas raramente sabemos seu real aspecto, sua face. Imaginamos que apenas livres seremos felizes, mas livres do que? de que prisão?

Beijos suculentos,
Anita

Nos Amando... disse...

amor não precisa de
esmola, corre livre
linda semana

Camila O. disse...

Esse foi o que achei mais meigo ate agora :) divergiu da paixao ardente xD belo como sempre.

Evanir disse...

Boa Noite Filho.
Estou um pouco ausente falei contigo
que teria exames em Santos quando chego já estou super cansada.
E pior tenho que voltar amanhã também e quarta.]
Como ñ vi vc no blog vim te deixar um beijo desejar uma abençoada semana.
Beijos da mãezinha.
Evanir.
Te Amo..

Artes e escritas disse...

Amor na gaiola é amor reprimido, triste. Um abraço, Yayá.

Severa Cabral(escritora) disse...

Boa noite meu príncipe das letras!
Amor preso
o amor preso,fica igual passaro na gaiola...
bjssssssssssssssssss

Desnuda disse...

Querido Poeta,


Um poema muito bonito e profundo. Para refletir.


Beijos com carinho

Elisa T. Campos disse...

Everson

Amei. Lindo lindo.
E é assim que sentimos enjaulados nas grades do poema.

bjs

 
Web Analytics