segunda-feira, 3 de outubro de 2011

(In) Quietude
Da alma
Silencio da noite
Dos sonos do infinito
Do eco dissonante
Sufocado do teu grito
Das nuvens
Que hoje não bailam
Pois as estrelas não brilham
E elas também se calam
De uma ilha
Que saboreava o mar
Hoje perdida e sozinha
Não sabe mais amar
De mim pra você
Do meu desejo que se calou
Por você não me entender
E de tanto chorar em sonhos
Explica-me outra vez
O porquê de tanto sofrer.

By Everson Russo
evrediçõesmusicais©®
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98
Visite também:
O Ultimo Barco do Planeta
A Tempestade

O Livro dos Dias Poesias
Adquira no email: evr.russo@uol.com.br

49 comentários:

Pat. disse...

O Amor as vezes é assim, meu amigo!
Abraços.

Nanda Assis disse...

Vim respirar um pouco de poesia!!!

bjoss...

Daniel Costa disse...

Everson

Estrelas sem brilho, vidas que terão de ser reprogramadas para voltar a amar.
Abraços fraternos

✿ chica disse...

Muito lindo poema mais uma vez! abraços,linda semana!chica

Rô... disse...

oi meu amigo,

o amor precisa de entendimento,
de uma linguagem mútua,
de diálogo de corpo e alma...

beijinhos

Sonhadora disse...

Meu querido

Sempre o amor a machucar o coração e como sempre inspirados os teus poemas.

Deixo um beijinho
Sonhadora

♫*Isa Mar disse...

Bom dia meu amigo, a quietude as vezes faz um bem enorme pra alma.
Lindos versos pra começar a semana, beijos no coração!

Vivian disse...

Bom dia,Everson!!

Pois é meu amigo...tem coisas que não tem explicação...fazer o que,né?!
Lindo poema!!
Beijos pra ti.
*Meu final de semana foi corrido.Desculpe a falta!

Neto disse...

É assim mesmo...

Abraço.

AC disse...

Everson,
Não há caminhos sem pedras...

Abraço

LUZ disse...

Olá Everson,

Amar é sofrer, muitas vezes.

Beijos de luz.

Marcia disse...

De uma ilha
Que saboreava o mar
Hoje perdida e sozinha
Não sabem mais amar.

lindo!A poesia cria asas e e nos alcança,bjos!

Assis Freitas disse...

amar é esse paradoxo,


abraço

Vanuza Pantaleão disse...

Maravilha, maravilha de versos e imagem, amigo!

Inquietar-se e sofrer são 'temperos' do amor. E como é bom um amor bem temperado e apimentado!

Everson, uma doce semana!!!

Helinha disse...

Olá, meu querido!

Alguns sofrimentos tornam-se impossíveis de serem compreendidos simplesmente porque a gente sabe que não precisaria ser assim...

Lindo demais!!

Beijos carinhosos!!

Desnuda disse...

Querido amigo,



Um poema lindo! Diz bem sobre o sentimento, AMOR, que o poeta escreve tão bem em versos.


Beijos com carinho e linda semana, Everson!

Pelos caminhos da vida. disse...

Seus poemas são sempre carregados de sentimentos.

Uma bom dia pra vc poeta.

beijooo.

... "re" ... disse...

É Poeta!
Difícil de entender, os caminhos do coração e a fixação pela pessoa errada.

O amor... este maledeto machuca mesmo, mas é o que nos move.

Por vezes nosso coração recebe ferimentos que demoram-se a cicatrizar, mas isto é o efeito do amar...

Belo poema... Molto Baci...

ValeriaC disse...

Que lindos e que sentidos estes versos meu querido...a alma declarou tudo o que sente e nela vai...
Boa semana...beijos...
Valéria

Anne Lieri disse...

Everson,que belezura de poesia!O amor muitas vezes se entristece sem que saibamos a causa!Adorei te visitar1Bjs e boa semana!

Bandys disse...

Só os poeta explicam o que é amor...

Então pra você:

O amor só é amor, se não se dobra a obstáculos e não se curva à vicissitudes... é uma marca eterna... que sofre tempestades sem nunca se abalar.
William Shakespeare

Gostei muito da imagem viu? rsrss.
Voce anda tão serio.
Beijos e uma segunda de muitos sorrisos.

。♥ Smareis ♥。 disse...

o amor precisa de ser entendido e com muita cumplicidade, por isso as vezes machuca, dói, por isso que é tão perfeito.Ótima semana, bjs no coração!
Smareis

Nati Caetano disse...

Boa tarde amigo Everson.
Linda poesia de Amor

Numa alma silenciosa e o silêncio da noite,as nuvens sufocam como trovões de grito e as estrelas escondidas,na noite cinzenta.Adorei tanto que me empolguei.Mais uma vez parabéns pela sua poesia.Deixo aqui meu carinho e amizade.Uma semaninha cheia de encantos com poesias.Beijoss

Carla Fernanda disse...

O reveso do amor que vira verso...
Beijos e bom dia amigo!!
Carla

Aleatoriamente disse...

Sempre de uma intensidade tão bela, teu poema poeta.
Muito lindo.

Beijinho amado

Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, amigo poeta. Até a Natureza se aliou ao poeta para ser solidária, pois no amor, infelizmente o brilho se esvai, tem vezes que é por um período apenas.
O amor quando é real, o brilho retoma a sua direção, e a Natureza volta a sorrir, as estrelas brilharem.
O ruim é quando deixamos que as coisas ruins se tornem uma constante.
Você lembra da música "GRANDE HOTEL", da Paula Toler?
Então, é exatamente o que não devemos fazer com o amor.

Dentre outros versos, ela diz:

"...se a gente não tivesse dito tanta coisa, se não tivesse feito tanta coisa, se não tivesse exagerado a dose, podia ter vivido um amor grande hotel."

"Um dia o caminhão atropelou a paixão, sem os teus carinhos e tua atenção, o nosso amor se transformou em bom dia".

Vale muito a pena você ouvir, e prestar atenção na letra.
Acho que todos deveriam fazer o mesmo.Sempre tive pavor dela, e já provei na pele essa letra.
O que falamos e fazemos não volta atrás, e geralmente fazem danos, mas façamos o máximo para eles não serem irreverssíveis!
Um grande beijo, e o meu carinho sempre especial por você, sempre!
Fique com Deus!

Pena disse...

Excelente Poeta Amigo:
No silêncio da noite. A distância sonhada sufocada. O sabor do mar. Você e ela.
Perfeito poema de apelo ao amor, embora sentindo sofrimento num desejo que se apagou.
Escreve de forma literária perfeita a sua "explosão" fabulosa de procura da sua Deusa.
Bem-Haja, pela visita e pela amizade sincera.
Notáveis versos de angústia sobrepondo-se ao seu sentir extraordinário e normal no ciclo das relações direccionadas para ela de perfeição e pureza de sentimentos numa poesia gigantesca.
Adorei.
Abraço amigo ao seu preciosismo fantástico e de respeito.
Sempre a admirá-lo

pena

edumanes disse...

Inquietude e beleza
Neste maravilhoso mundo
É tão bela a natureza
Em silêncio profundo!
Minha boca vou calar
Para mais verdades não dizer
Ninguém por amar
Castigado deve ser.

Everson, com talentosa inspiração
Seus poemas fantásticos
Vive com sua poesia, toca seu violão
Com emoção,belos e práticos.

Com a sua tão bela poesia,
junto envio um abraço.

Eduardo.

Machado de Carlos disse...

Obrigado, prezado amigo! Pois é, a segunda-feira chegou novamente. O início de uma nova semana.
Para você que respira belos versos, desejo que a semana inteira se transforme em sinônimos de inspirações constantes.
Um grande abraço!

lis disse...

Do amor emana alegria e as vezes dores.
Só as sanamos com outro amor.
lindo poema Everson
saudade de vir aqui senti-lo
deixo abraços

Janaína Pupo disse...

Maravilhoso, meu querido.
Beijos e linda semana.

Janaína Pupo disse...

Maravilhoso, meu querido.
Beijos e linda semana.

MARILENE disse...

Não há quietude no amor. Ele é sempre feito de montanhas e depois que as vencemos, teremos que descer. Nas retas, poderemos encontrar monotonia e angústia. Mas um dia secaremos as lágimas para recordar com alegria os momentos que nos trazem saudade.

Bjs.

. disse...

Sentimentos profundos amigo… Um abraço

Rosemildo Sales Furtado disse...

De mim pra você
Do meu desejo que se calou
Por você não me entender
E de tanto chorar em sonhos
Explica-me outra vez
O porquê de tanto sofrer.

Lindo amigo. Muito profundo.

Abraços,

Furtado.

Amapola disse...

Boa tarde, querido amigo Poeta.

A alma parece um compartimento infinito onde guarda os cristais mais nobres de um ser.
O amor vai com tudo, e; Valha-me Deus!!

Que a sua semana seja repleta de paz e alegrias.

Beijos.

SIMONE PRADO disse...

Tem uma parceria no meu blog sobre o tema "SE O AMOR EU PUDESSE ENCONTRAR", DEIXE LÁ SUA PARTICIPAÇÃO bjos.

SIMONE PRADO disse...

Tem uma parceria no meu blog sobre o tema "SE O AMOR EU PUDESSE ENCONTRAR", DEIXE LÁ SUA PARTICIPAÇÃO bjos.

Sandra Botelho disse...

mas esse sofrer é bom, acaricia a alma e lava o coração com lagrimas...
Bjos achocolatados

Rute disse...

Beijos,meu querido uma ótima semana a vc.

Milla Pereira disse...

Olá, Everson! Passando para curtir mais um poema espetacular e pra desejar que vc tenha uma semana cheia de lu, paz e bem! Beijos da amiga Milla

parole disse...

É sempre triste um amor quando se acaba...

Beijos

cidinha disse...

Ola, Amigo. O amor trás alegria más também tristeza. Belos versos! Obrigada pelo seu carinho e lindos sonhos! Muita poesia sempre! Bjos e bjos!!

Severa Cabral(escritora) disse...

Boa noite meu Príncipe das letras!
Esse vendaval de tanto sofrer causa emoções...
Bjssssssssssssss

Maxwell Soares disse...

"Do eco dissonante
Sufocado do teu grito" Ás vezes sentimos e vivemos ao mesmo tempo... Excelente...

Vera Lúcia disse...

Oi Everson,
Hoje estou chegando ao apagar das luzes, mas ainda faltam alguns bons minutos para a meia noite.

Creio que o amor sempre traz consigo a inquietude e costuma deixar rastro de lágrimas por onde passa.

Bj e boa noite.

SIMONE PRADO disse...

Linda poesia, deixa aquela vontade de refletir tantos porquês, que até hoje não encontrei respostas. Por que as vezes sofremos por amar alguém se o amor é a coisa mais linda de sentir. O tempo vai passando, vamos ficando apenas com as lembranças e os sonhos. bjos.

Dja disse...

Olá.

É as vezes sofremos também por amar.


beijos.

Lau Milesi disse...

.."das nuvens que hoje não bailam"...que lindo, poeta. Interessante, visualizei uma imagem tão linda também. Gostei muito do seu poema.
Respondendo à sua pergunta sobre o Rock in Rio ,também não daria nota 100 para esse Rock in Rio não.Eu fiz um testamento pra você no meu blog você vai ler amanhã.:) Ontem eu estava fora do daqui, por isso não te visitei. Mas vim hoje e gostei muito. :)

Um beijo e boa noite, amigo.

 
Web Analytics